Exorcismo

Padres Exorcistas explicam

Consagração a Virgem Maria

Escravidão a Santissima Virgem, Orações, Devoção

Formação para Jovens

Espiritualidade, sexualidade, diverção, oração

11 de jan de 2011

Arquidiocese pede que os mexicanos se afastem do culto diabólico à "Santa Morte"


REDAÇÃO CENTRAL, 07 Jan. 11 / 03:58 pm (ACI).- O porta-voz da Arquidiocese do México, Pe. Hugo Valdemar, pediu aos mexicanos afastar do culto à chamada “Santa Morte” porque é uma devoção contrária ao cristianismo e se está convertendo na preferida do crime organizado.

Ao declarar ao grupo ACI sobre a detenção do líder desta seita, David Romo “o pároco”, acusado de participar do seqüestro de três pessoas, o sacerdote disse que espera que a justiça mexicana determine a culpabilidade ou inocência de Romo. ”Seríamos injustos se o declaramos culpado quando ainda espera ser julgado”, explicou.

Entretanto, o sacerdote reiterou seu chamado aos fiéis para que se afastem desta devoção, que tem milhares de seguidores em todo o México, porque se trata de uma crença “supersticiosa e com conotações diabólicas” que lucra com a ignorância das pessoas e “está se convertendo na devoção preferida do crime organizado, dos narcotraficantes e seqüestradores”.

O Pe. Valdemar recordou que Cristo teve que vencer o pecado e a morte, que “é sinal do poder do maligno e sua destruição”. Disse que a seita que lidera Romo “personaliza o próprio demônio, o qual é muito perigoso”.

P padre indicou também que muita gente caiu nesta seita por falta de um maior compromisso evangelizador da Igreja e advertiu que muitos acreditam que a “Santa Morte” é um santo mais, quando “nem sequer é uma pessoa”.

O porta-voz da Arquidiocese do México pediu aos fiéis que destruam as imagens da Santa Morte e não temam uma vingança porque “o poder de Deus é maior que o maligno”.

David Romo foi detido em 4 de janeiro junto com outras oito pessoas na capital mexicana, acusados de seqüestrar a um casal de anciãos e um homem. Segundo a polícia, este grupo se fazia passar por uma facção do cartel de “Los Zetas” para atemorizar as famílias de suas vítimas e acelerar o pagamento do resgate.

A Santa Morte

A Santa Morte é uma falsa devoção difundida em distintos lugares do México. É representada com uma caveira enfeitada segundo o gosto pessoal dos adeptos. Narcotraficantes, delinqüentes, ex-sentenciados ou seqüestradores se aproximam desta controvertida imagem para pedir pelo sucesso dos seus delitos.

Este culto, que gerou grande controvérsia no México, está vinculado a práticas de bruxaria e se intensifica na festa dos Fiéis Defuntos.

Fonte: ACI Digital