Exorcismo

Padres Exorcistas explicam

Consagração a Virgem Maria

Escravidão a Santissima Virgem, Orações, Devoção

Formação para Jovens

Espiritualidade, sexualidade, diverção, oração

15 de jan de 2011

O dia do trabalhador será lembrado pelo Grande Trabalhador: João Paulo II

Conforme as informações do vaticanista Andrea Tornielli, sabemos que, oficialmente, o Papa Bento XVI recebeu em audiência o Cardeal Angelo Amato, prefeito da Congregação para a Causa dos Santos, e assinou o decreto reconhecendo o milagre atribuído pelo Papa João Paulo II.
A Santa Sé anunciou que a beatificação ocorrerá no próximo 1 de maio [II Domingo da Páscoa - Domingo da Divina Misericórdia], e será celebrada - contrariando o atual costume, aliás assim também o feito na beatificação de Newman – pelo próprio Papa.

Há algumas coisas que devo dizer. Sabemos que este Papa venceu três grandes males do século XX: O Nazismo, o Comunismo e o Terrorismo. E venceu todas elas com amor. Não sei se você se recorda, mas eu me lembro muitíssimo bem quando, em março de 2003, ao anúncio de George W. Bush sobre a guerra no Iraque, ele (o Papa) que tanto tinha rogado para que esta não ocorresse, não pestenejou: fez as malinhas e voou para lá, na boca do lobo. Lembro-me que os comentários eram de toda a sorte: "meu Deus! Esse homem é louco! Doente e enfiado numa guerra?". Porém ele era o Construtor de pontes! Queria a paz e trabalhou por ela até o último suspiro. É verdade que sua ida até lá não mudou o destino da guerra; contudo, diferentemente daqueles que dizem pregar a paz, mas nada fazem por ela, ele fez a sua parte.

Outra coisa que devo dizer é que a data não poderia ser mais que perfeita. Não sei se você se recorda, mas este nobilíssimo escravo da Santíssima Virgem sempre dizia, que em suas orações, recorria à Divina Misericórdia, bem como à generosidade do Imaculado Coração da Santíssima Virgem (tanto que vários países europeus foram consagrados a este Imaculado Coração por este Magno Homem). Viveu verdadeiramente seu lema: O Totus Tuus (todo teu). Ele faleceu no dia 02 de abril de 2005. Este dia era o primeiro sábado do mês, que é costumeiramente dedicado à Virgem Santíssima. Porém, a hora em que o Papa faleceu, já se rezava as Vésperas de Domingo. E que dia era este Domingo? O segundo domingo da Páscoa, dedicado à Divina Misericórdia. Se você re-ler o início deste artigo, verá o dia em que foi escolhido para sua beatificação.

Agora eu lhe pergunto:  é possível que alguém tenha dúvida de que aquele que se dedica à Santa Escravidão por amor passará desapercebido?



Beate Joannes Paule, ora pro nobis!