Exorcismo

Padres Exorcistas explicam

Consagração a Virgem Maria

Escravidão a Santissima Virgem, Orações, Devoção

Formação para Jovens

Espiritualidade, sexualidade, diverção, oração

9 de nov de 2011

Império Satânico da Disney



Introdução

The Walt Disney Company, maior empresa de entretenimento do mundo, admitiu em janeiro que o até então inofensivo desenho animado Bernardo e Bianca (“The Rescuers”), produzido em 1977, contém imagens subliminares ao longo da fita. A cena acontece aos 28 minutos do filme e é imperceptível em velocidade normal. Os dois ratinhos – engajados em ajudar uma menina a se livrar de seqüestradores – estão viajando sobre um velho albatroz. Na aterrissagem, o pássaro perde altura e passa em frente a vários prédios. As fotos aparecem numa das janelas. A Disney só admitiu o que chama de “imagens de fundo objetáveis” depois que elas apareceram na Internet, a rede mundial de computadores. A empresa informou que recolheu cerca de 3,4 milhões de fitas nos EUA. A cena de nudez explícita e subliminar no desenho animado amplia suspeitas entre milhares de cristãos do mundo a respeito da idoneidade moral da companhia e reabre discussões sobre o mau uso da tevê entre crianças.Inúmeros cristãos têm se levantado no planeta para denunciar o que chamam de império satânico da Disney. O mais conhecido deles é Josué Yrion, ministro da Assembléia de Deus nos EUA e professor de Missiologia na Universidade de Pasadena, Califórnia, EUA. Yrion já viajou por 57 países, sempre denunciando o mal que a tevê, incluindo desenhos aparentemente inofensivos da Disney, produzem nas crianças. Yrion ficou conhecido no Brasil no início do ano passado.

Após suas pregações, certos de que estavam à mercê de um império satânico, centenas de cristãos no País destruíram suas fitas de desenho animado da Disney e queimaram camisetas, adesivos, chaveiros e até cadernos que traziam estampados as imagens dos personagens da empresa. Em razão da polêmica que o assunto despertava, ele foi pouco comentado nas igrejas. A divulgação da cena de nudez escondida durante a aterrissagem estabanada do engraçado albatroz reabriu a questão a respeito do assunto.O evangelista Marco Antonio Ripari, membro da Igreja Batista Regular de Campinas, ardoroso defensor da saúde mental e espiritual das crianças e crítico ferrenho do trabalho da Disney, acredita que a comprovação da propaganda subliminar no desenho apenas confirma o que Yrion – e ele, no Brasil – vêm denunciando ao longo dos meses. Mensagens visariam destruir próxima geração da Igreja. Entre inúmeras acusações de prática de satanismo e mensagens subliminares nos desenhos que seriam promovidas e incentivadas pela Walt Disney Company, Ripari denuncia o que considera uma estratégia maligna para afetar a próxima geração da Igreja. O pregador está convencido que o diabo possui uma estratégia de tentar acabar com o Corpo de Cristo num futuro próximo, isto é, assim que as crianças crescerem. A forma de ataque embute a mais inofensiva das formas, o desenho animado, oferecido de graça pela “babá eletrônica”, a televisão. Ripari tem razão em criticar alguns desenhos animados.

Segundo mapeamento estatístico da Organização das Nações Unidas – ONU – realizado em seis emissoras de tevê aberta, em 71 horas de desenho transmitidos em agosto de 1998, a cada 60 minutos de desenho animado apareciam 20 crimes. Em uma semana de pesquisa foram detectados 1.432 crimes, apenas em desenhos animados. No Brasil, as redes Bandeirantes e Record, seguidas pela Globo, foram as que mostraram mais homicídios. Baseado nestas informações, Ripari tem saído para pregar em igrejas, sempre a respeito do mau uso da televisão pelas crianças. Já falou em 89 igrejas de 29 denominações e 23 cidades do País. Organizado, tem anotado o número de crianças que afirma terem entregado a vida a Jesus, após ouvir a pregação e assistir a fita “Salve Seus Filhos”, que trata do assunto. “Foram 1.348 crianças ganhas para Jesus no ano passado e 150 já neste ano”, exulta o missionário. Em suas pregações, Marco Antonio Ripari não pede aos pais que desliguem a tevê. O que faz é um alerta sobre seus perigos. “Precisamos saber o que nossos filhos estão comendo.

Hoje, porque trabalham fora e auxiliam no sustento da casa, milhares de mães saem de manhã e deixam as crianças sendo cuidadas por uma babá eletrônica. É isto o que o diabo quer. Ele não sai por aí dizendo que é o diabo e assustando a todas as crianças. A estratégia é entrar exatamente nas salas de visitas e, não raro, nos quartos das crianças, para que eles próprias assistam o que bem entendem”. Ripari sugere que as famílias mantenham os televisores ligados para as crianças, mas sempre em algo benéfico, como as tevês educativas – e sempre acompanhadas por algum adulto esclarecido na Palavra de Deus e atento às artimanhas do diabo. Também sugere que os pais comprem ou aluguem fitas de vídeo cristãs, que realmente edifiquem os pequeninos.

Uma Cilada para Roger Habbit


Estes são frames retirados do filme “Uma Cilada para Roger Habbit”. Nesses frames meio fora de focos, acontece em um momento em que o taxi cartoon onde estão os personagens batem e eles são arremessados fora do carro, então a Jessica Habbit sai voando de pernas entreabertas e dá para ver que ela está sem calcinha. O site onde que mostra as fotos dizia que as imagens da Jessica Habbit sem a calcinha era obra de um desenhista sonolento. Será mesmo? São necessários vários minutos para produzir cada quadro destes, e o autor se descuidou em quatro!…

O REI LEÃO

“The Lion King” 88 min. – 1994 (relançada diversas vezes em diversos países)

Em Maio/2006 foi encontrada outra mensagem subliminar relacionada ao filme O Rei Leão. Desta vez num dos cartazes do filme. Veja a imagem:

Cartaz (oficial da Disney) anuncia um dos relançamentos do filme O Rei Leão.

Autor da descoberta: L. G. (nome preservado).

Consegue perceber alguma coisa na imagem desse leão grande na parte de cima do cartaz? Se não percebe ou se quer ver a imagem ampliada e mais informações sobre este caso, leia a matéria abaixo:

Subliminar no filme e notícias

Na imagem ao lado, no leão grande, encontramos uma mulher de costas usando biquíni; ela está no focinho do animal.

- A Revista TIME disse que é o vídeo mais sujo, mais perverso e carregado e de satanismo e violência que a Disney jamais produziu, e que as crianças que assistem a este filme hoje, serão os próximos assassinos de amanhã.

- A música cantada por Scar, é de Shirley McLane, uma das maiores divulgadoras da Nova Era, que diz: “Viva a Nova Era, a velha já era”.

- O babuíno feiticeiro Rafiki diz para o leãozinho que as estrelas vão guiá-lo. Alusão clara à Astrologia. Ele diz também, que este não se sinta mal por ter matado alguém.

- O leão pai (já morto) fala das nuvens com o filho, uma alusão clara à reencarnação e ao Espiritismo.

Já consegue visualizar algo na poeira branca? Se não, veja a figura ao lado:

Agora fica fácil identificar a palavra “SEX” (“sexo” em inglês), não é mesmo? Será que isso apareceu aí “sem querer” ou “coincidentemente”?!?!

- Em duas cenas diferentes, partículas no ar formam a palavra “SEX” (“sexo” em inglês). Esta imagem tem a duração aproximada de 1 centésimo de segundo, e só é possível vê-las quando a imagem é congelada em vídeo.

- Notícia: Uma criança de 11 anos nos EUA em 96, assistiu ao filme Leão 12 vezes e depois esquartejou a própria mãe. O irmão mais velho relatou que enquanto o irmão matava a mãe com uma machadinha, ouvia-o falando: “- O vídeo do O Rei Leão disse: Eu posso matar você”.

- Notícia: Em New Jersey, uma criança de 9 anos, despertava à noite dizendo “Eu vou matar você”.

- Notícia: Outra criança disse à sua mãe quando esta cortava carne na pia: “mãe eu quero sua faca. A mãe pergunta para que? A criança responde: “- Eu quero matar você”. O Rei Leão disse que eu posso matar você!”.

- Na sinopse da capa da fita de vídeo, está escrito: “…saindo das trevas surge seu invejoso tio Scar, que afasta Simba do trono e o leva ao exílio”.

- Notícia: Recentemente, no Rio de Janeiro, um jovem foi preso por matar sua própria mãe. No cabo de seu revólver havia um adesivo do O Rei Leão. Coincidência?

- Mufasa olha para as estrelas e diz para Simba, seu filho: “…olhe as estrelas. Os grandes reis do passado olham para nós lá das estrelas, e sempre que se sentir sozinho, procure lembrar que aqueles reis sempre estarão lá para guiá-lo. E eu também estarei…”. Esta cena faz referência à necromância (consulta aos mortos).

Analisando uma capa do vídeo (uma versão norte-americana)

Capa do vídeo do desenho, de uma versão norte-americana

Aqui tem várias imagens nem tão ocultas, mas que não deixam de ter significado subliminar (algumas nem tão subliminar):

1) O rosto de Walt Disney reflete do céu.

2) Os órgãos sexuais do leãozinho também aparecem.

3) Algo como uma mensagem escrita na rocha dizendo que o “Elton John isn’t gay”, que em português significa “Elton John não é gay”. Apesar ele ser um gay assumido, a Disney prega o contrário… Por que será?!. Vale lembrar que Elton John é o autor de muita das músicas da trilha sonora do filme O Rei Leão. Coincidência?!

4) Um besourinho xadrez na rocha. Talvez uma alusão a um dos símbolos satanistas, um besouro. Além do fato que a simbologia do preto e branco da forma como está no besouro nos remete à simbologia do Yin-Yang, isto é, tudo tem dois lados, tudo é relativo (teria algo haver com a mensagem anterior?!).

5) E dois elefantes se procriando.

Capas oficiais da Disney diferentes

Vale lembrar que qualquer capa de vídeo usada aqui provavelmente já terá sido modificada e trocada. A Disney sempre relança seus vídeos, e sempre que faz isso ela altera alguns detalhes das capas. Além disso quando lança em alguns países do mundo, pode fazê-lo com capas diferentes também. Portanto esta é a razão de que você talvez não encontre no mercado fitas com capas usadas aqui. A realidade é que a maioria dos vídeos da Disney tem várias capas oficiais diferentes, dependendo do país e da época.

NARNIA

Neste filme existe um personagem chamado “Tumnus”, um ser encantado que abriga uma menina desconhecida e a faz dormir com sua música mágica. O tema do filme é pedofilia e incentiva as crianças a confiarem em desconhecidos. Nessahistória Tumnus é um personagem bom, mas foi inspirado na imagem do deus pagão da fertilidade: o próprio diabo. Na referida cena a menina Lucy Pevensie e Tumnus (interpretado por James McAvoy) passa a impressão de tentar molestar a menina em sua casa.

A cena inteira é narrada como um sonho e a aura pedófila marca o filme. Tumnus representa o diabo tentando seduzir a menininha. Este personagem está caracterizado como a imagem à cima, um dos deuses mais pervertidos da feitiçaria (a Disney já usou este ser, metade homem metade bode, no desenho HÉRCULES). Ele põe a pequena menina para dormir com sua música. Em seguida vem uma imagem da menina acordando e gritando por Tumnus, demonstrando que fez algo mau. É uma sugestão subconsciente de que a molestou. Vale lembrar que em todos os povos onde a imagem foi encontrada o ser era descrito como um demônio pervertido e violento.

Além disso o filme ensina as meninas a confiarem em desconhecidos. Emnossos dias, Tumnus seria considerado um pedófilo. Afinal, nenhum homem consciente traria uma menina desconhecida para pousar em sua casa. A cena descrita é também uma referência ao sacrifício satânico.

BERNARDO E BIANCA

“The Rescuers” 1977

- Conta a história de dois ratinhos que ajudam uma menina a se livrar de seqüestradores.

- Este desenho exibe, numa fração de segundo, a imagem de uma mulher com os seios de fora. Trata-se de uma técnica subliminar já testada e utilizada no cinema desde 1956. Esta imagem da moça nua foi inserida em apenas dois dos 110 mil fotogramas que compõem o desenho. Estas imagens só podem ser percebidas, se forem ‘congeladas’ no vídeo, ou seja, numa projeção normal a cena torna-se imperceptível (pelo menos na teoria).

Analise a imagem minuciosamente e veja com seus próprios olhos. Nem é preciso tanto esforço para perceber…

- “Pela primeira vez na história da companhia, a Disney admite ter em encontrado imagens subliminares num de seus filmes de animação” (Folha de S.Paulo – 15/01/1999).

- Conforme um comunicado oficial emitido pela própria Disney em 08/01/99, o prejuízo da empresa com o recolhimento de quase 4 milhões de fitas nos Estados Unidos, chegou a 78 milhões de dólares (Revista Veja – 20/01/1999).

CINDERELA (A Gata Borralheira)

75 min. – 1950


- História adaptada da obra original de Charles Perrault do século XVII.

- Conta a história de uma jovem pobre que sonha com um príncipe ‘encantado’ para libertá-la da maldição da madrasta.
- Um ratinho é descoberto no porão, e ainda não fala como os outros, amigos de Cinderela, porém quando colocam nele um chapeuzinho e um par de sapatinhos como de duendes, este imediatamente começa a falar.

- O nome do gato é Lúcifer. Cinderela abre a porta do quarto, a luz entra e bate nos olhos do gato que acabara de acordar, e o chama: “- Lúcifer, venha aqui”. Logo após esta cena, acontece um diálogo entre a Cinderela e o cachorro (Bruno) que acabara de ter um pesadelo com o gato (Lúcifer). Ela tenta convencê-lo que Lúcifer é bom, e diz: “…Lúcifer tem o seu lado bom…”. Isto traz confusão na mente das crianças, pois quando os pais estiverem ensinando a respeito de Satanás, o filho que tem a cena gravada no seu inconsciente, diz a si mesmo: “Ora, mas ele tem o seu lado bom”.

A PEQUENA SEREIA

“The Little Mermaid” 82 min. – 1989

- Conta a história de Ariel, sereia filha de Netuno, ‘rei dos mares’, que se apaixona por um príncipe (humano).

- Na capa do vídeo existem algumas imagens subliminares, entre elas a imagem da coluna do palácio em segundo plano, que na realidade é um órgão sexual masculino.

Veja quanta coisa por trás de “uma simples capa de fita de desenho infantil”…

- Ela quer se tornar uma humana, porém a bruxa diz para ela, que quer algo em troca: “Eu quero sua voz e sua alma”.

- Quando a música (Beije a moça) toca no fundo, há um grupo jamaicano falando palavras africanas, lançando maldições para as crianças que assistem (o problema está nas letras amaldiçoadoras, não em ser africanas ou de alguma religião).

- O padre que celebra o casamento de Ariel fica excitado.

Repare no padre, abaixo da barriga…

A inserção de órgãos genitais neste desenho é exageradamente preocupante. Repare por exemplo no formato da folha que Ariel está segurando nesta cena.

- Este vídeo chega a ser considerado por muitos como um desenho infantil pornográfico.

ALADDIN

90 min. – 1992

- História do garoto Aladdin que conta com a ajuda do ‘gênio da lâmpada mágica’ para vencer o temível grão-vizir e casar com a princesa.

- Quando Aladdin vem voando num tapete mágico, diz muito rápido: “Crianças boas e adolescentes, tirem suas roupas!”.

- Uma criança de 5 anos, nos EUA, tirou suas roupas, e quando questionada pela mãe disse que o Aladdin havia mandado, a mãe assistiu o filme para procurar esta passagem onde ele dava esta ordem, porém não encontrou, pois a mensagem foi produzida para surtir efeito apenas nas crianças.

- Quando ele vem voando num tapete ele toma a espada e diz muito rápido: “mate-se, suicide-se”. São mensagens muito rápidas, só percebidas se prestarmos muita atenção ou talvez se congelarmos as imagens. Os especialistas utilizam recursos mais profissionais para descobrir tais coisas.

DUMBO

64 min. – 1941

- Conta a história de um elefantinho que, por ter orelhas enormes é humilhado num circo, e é motivo de gozação dos palhaços. Este porém, descobre que pode voar ao abanar as orelhas.

- O filme mostra uma cena de Dumbo, embriagado, tem um sonho surrealista. Dumbo sonha com elefantes coloridos contando. Você não acha tudo isto muito estranho?

- Dumbo é um dos desenhos que consta de um trabalho recente feito nos Estados Unidos, divulgados pelo Harvard Center for Risk Analysis, pelos pesquisadores Fumie Yokota e Kimberly Thompson. De acordo com o estudo, a cena em que o elefante usa a tromba para ‘metralhar’ com amendoins os amigos que o importunam, pode passar subliminarmente a mensagem de que é certo reagir a uma gozação com violência.

OS ARISTOCRATAS

“The Aristocats”

Capa do vídeo do desenho, de uma versão dos EUA

Os desenhistas desse pregam a legalização da maconha. O gato em cima está segurando um baseado; a folhinha da maconha é uma das estrelas; no canto do anúncio diz “LEGALIZE IT”, que quer dizer “LEGALIZE ISSO” (referindo-se, claro, à folha de maconha); a torre Eiffel tem o formato do órgão sexual masculino; o gatinho na janela está segurando uma tabela criptografada.

OBS.: Eu não descobri o que significa uma tabela criptografada. Se você souber, entre em CONTATO. Uma pessoa informou por e-mail que pode ser uma cartela de adesivos com a droga LSD (enviado por C. C.). Teve outra pessoa também que informou a mesma coisa (enviado por S.).

Apêndice:

Meu nome é T. E. F., tenho 13 anos, sou cristão e vi seu site muito interessante de mensagens subliminares. Disse que não descobriu o que significa a tabela criptografada do “Os Aristocats”. Procurei no dicionário e achei Criptografar: “tornar incompreensível, com observância de normas especiais consignadas numa cifra ou num código, o texto de (uma mensagem escrita com clareza)”. Espero que seja de grande ajuda e que Deus lhe abençoe.

101 DÁLMATAS

“101 Dalmatians” 103 min. – 1996

Capa do vídeo. No detalhe: o cão gesticula de forma obscena.

- O nome da Bruxa é “Malvina Cruella DeVil”, porém na placa do carro aparece DEVIL, que é diabo em inglês. (veja que nome: “Malvina” derivada da palavra “malvada”, “Cruella” derivada da palavra “cruel”, e “Devil” que é diabo em inglês. Coincidência?!)

- No prédio da sua empresa tem uma placa “HOUSE OF DeVIL”, porém na tradução só a palavra “house” foi traduzida, ficando “CASA DE VIL”. – Nas escadarias do prédio tem uma estátua de um bode.

Capa do vídeo do desenho em uma versão dos EUA *

Capa da fita do desenho analisada

Aqui está uma série de detalhes que você provavelmente não percebe e as vezes até tem a fita em casa, seria legal se você pegasse uma lupa e analisasse para conferir, os detalhes aqui são bem claros: o pingo do “i” da palavra “Disney” (lá em cima) é um disco voador; na coleirinha de um dos personagens a identificação diz “Bitch ‘N, Heat”, que quer dizer “Vadia e Gostosa”; o outro detalhe é uma sombra de uma mulher nua na janela; e por ultimo existe o símbolo da revista Playboy em um dos cãezinhos.

POCAHONTAS

81 min.

- A origem da palavra: A parte “POCA” significa “Espírito”, e a parte “HONTAS” significa “do Abismo”. O sentido completo da palavra é “Espírito saído do Abismo”.

- A Disney mentiu quando produziu este vídeo, pois distorceu a história real. Pocahontas, a menina índia, tinha apenas 12 anos e não uma mulher sensual como aparece no filme. Ela casa-se com um espanhol, converte-se e morre na Espanha. A Disney não incluiu isto na historia. Por quê?

- Notícia: Uma criança em Minas Gerais, depois de comer os biscoitos da Pocahontas durante certo tempo, teve seus dentes apodrecidos, no ano de 1996.

- Pocahontas fala com um espírito na árvore. O caule da árvore fica com a forma do rosto de uma velha, que seria sua avó, já falecida há 400 anos. Observe aí a doutrina da reencarnação sendo passada sutilmente às crianças.

Aí está a imagem do “espírito da avó de Pocahontas reencarnado numa árvore”. A cena em que aparece essa árvore é um verdadeiro ritual espírita.

- Árvores com sentimentos e capazes de falar são comuns na cultura celta, e são citadas em diversos ritos pagãos de feitiçaria.

- “…Pocahontas brilha com toda a glória e magia Disney” e “Com a ajuda de uma árvore sábia, Pocahontas aprende a ouvir seu coração e seguir seu verdadeiro destino com ‘as cores do vento’”, diz o encarte da fita.

BRANCA DE NEVE E OS 7 ANÕES

“Snow white and the seven dwarfs” 83 min. – 1937

- Foi a primeira obra prima de Walt Disney. História baseada em conto de ‘fadas’ dos irmãos Grimm.

Há demônios escondidos nas imagens da floresta.

- Conta a história de Branca de Neve e sua madrasta, que também é rainha e bruxa e que tenta matá-la, com ciúme de sua beleza. Branca de Neve encontra refúgio na casa de sete anõezinhos, que trabalham em uma mina.

- A analogia dos sete anões com os gnomos é muito clara. Por que os anões trabalham numa mina subterrânea? Ora, os gnomos nada mais são que pequenos espíritos que, segundo os cabalistas, habitam nas regiões subterrâneas. Logo se conclui, que o objetivo é passar a idéia que, apesar de muito feios, eles são bons, são protetores e amigos.

- Foi redesenhado várias vezes por 570 artistas ate se chegar à qualidade desejada. Custou 700 mil dólares (uma fortuna para a época) e ganhou um Oscar© especial pela inovação cinematográfica.

A ESPADA ERA A LEI

“Sword in the Stone” 75 min. – 1963

- Conta a história de uma espada mágica encravada numa pedra, e um desafio tentador: quem tirá-la da pedra, será coroado rei da Inglaterra.

- Artur, um garoto esperto é ajudado pelo mago Merlin, de quem se torna protegido e ‘aprendiz’, e seu assistente Arquimedes.

- Esta fita lança a terrível bruxa “Madame Min” .

- Uma cena considerada ‘memorável’ é o duelo de feitiçaria entre Merlim e Madame Min.

Detalhes na capa

Analisando a capa deste vídeo, podemos encontrar muitas imagens ocultas. Eu recebi dois e-mails comentando este fato.

No retângulo verde está destacada a cabeça de um ser maligno, que tem fortes traços da figura clássica de um demônio. No retângulo azul está, nada mais nada menos que, uma cena claríssima de sexo (um homem abraçando e beijando o pescoço de uma mulher nua).

Eu não canso de lembrar que esta é a capa de mais uma fita de desenho animado infantil.

Outras capas:

ROBIN HOOD

82 min. – 1973

- Robin Hood é considerado “o rei dos ladrões”.

- Quando Robin Hood vai roubar o dinheiro do príncipe João, ele se coloca dentro de uma carroça, se disfarça de cigana, coloca uma bola de cristal e diz que advinha o futuro, tem o zodíaco e fala: “Silêncio, vou fazer conjuros: Espíritos das densas trevas, vem!”. [Obs.: conjuros são rituais/gestos satânicos utilizados para invocar demônios.]

FANTASIA (Mickey Feiticeiro)

135 min. – 1940

Sim, isso é uma cena de um desenho infantil da Disney…

- Como em quase todos os seus filmes, a Disney prega o mundo da fantasia. A fantasia é uma ilusão, uma mentira. A Bíblia diz que o pai da mentira é o diabo.

- No chapéu de bruxo do Mickey tem várias estrelas de 5 pontas e meias-luas, antigos símbolos do ocultismo.

- O destaque é para o camundongo Mickey na cena dedicada à obra de Paul Dukas, ‘O Aprendiz de Feiticeiro’.

- Mickey termina o filme com um ritual satânico.

Veja abaixo uma caixa atual desse desenho, que ainda é vendido nos EUA (não sabemos quanto ao Brasil):

Como pudemos perceber nessa caixa e em outras imagens relacionadas ao desenho, o símbolo Lua-estrela aparece constantemente.

Uma outra capa do desenho “Fantasia”, provavelmente bem antiga.

“TOY STORY” E “TOY STORY II”

Toy Story e Toy Story 2 – 2000 Em alguns exemplares da edição especial dos DVD’s destes filmes, lançados nos EUA, contavam com um item no mínimo embaraçoso: no meio do segundo filme estrelado pelos bonecos Woody e Buzz Lightyear, foi encontrada uma cena recheada de palavrões da comédia Alta Fidelidade. Depois de constatar o problema, levantado por consumidores que reclamaram do conteúdo impróprio para um desenho infantil, a Disney retirou das prateleiras os produtos ‘defeituosos’.

A BELA ADORMECIDA

“Sleeping Beauty” 75 min. – 1959

- Adaptada da obra de Tchaikovsky. Uma princesa chamada Aurora, sofreu uma terrível maldição lançada por uma feiticeira e cai num sono eterno. Esta maldição só seria quebrada se o príncipe Felipe a beijasse, desde que ele enfrentasse a ira da bruxa Malévola.

- “Sua família precisa ter para sempre este tesouro da Disney: O mais famoso clássico cheio de magia e de beleza sem precedentes…” – diz o encarte da fita.

HÉRCULES

92 min.

- Conta a história de Hércules, que precisa provar que é um herói a seu pai, Zeus, que de acordo com a mitologia grega, é o maior dos deuses. Ver Lucas 16:23.

- Numa cena o personagem Hades diz: “Estou prestes a reorganizar o universo e o único idiota que pode estragar tudo está perambulando por aí!” Com ódio ele diz: “Estou prestes a reorganizar o universo”. Quem organizou o universo? Foi o Criador; Hades diz que está prestes a reorganizar… Ele diz mais: que “o único idiota que pode estragar tudo (que ele reorganize o universo)” diz que este “idiota” está perambulando por aí. Quando Hades bate as mãos, da cabeça dele sobe um fogo, os dedos polegares de Hades apontam para este fogo em sua cabeça: neste fogo tem uma palavra: J E S U S. Desta maneira sem nenhuma reverência Disney está se referindo ao nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo…

- No filme, o demônio sai do abismo e diz: “Meu nome é Hades, o senhor da morte”. NOTA: A palavra ‘hades’ é de origem grega, e segundo uma referência da Bíblia, significa nada mais nada menos do que ‘inferno’. Obs.: Uma referência à origem desta palavra pode ser encontrada em Apocalipse 6:8, em que é citada a frase ‘o inferno o seguia’ e na referência (geralmente no rodapé da bíblia) encontra-se ‘Gr. Hades o seguiu’, significando o sentido do tempo ‘o inferno o seguia’ na língua de origem: o grego. Na Bíblia da Imprensa Bíblica Brasileira, traduzida por João Ferreira de Almeida (uma das mais antigas e populares entre os evangélicos) podemos ver a palavra “Hades” (que quer dizer inferno) em Lucas 16:23. Em algumas Bíblias com linguagem um pouco mais atual essa palavra já aparece traduzida para inferno.

- ‘Uma fantasia repleta de magia e ação de proporções olímpicas…’ diz o encarte da fita.

Dogma

Filme que ataca o cristianismo, dizendo que a crença cristã é um pouco mais que mitologia.

Uma comédia escrachada sobre um tema sagrado. “Dogma”, filme do diretor Kevin Smith, imagina a extermínio da espécie humana para este final de século. Uma comédia de fantasia, na definição de seu diretor, que ri e faz rir da religião católica. O que pensar de um filme em que Deus é mulher e a pessoa escolhida para salvar a humanidade trabalha em uma clínica de abortos? Nos Estados Unidos e no Brasil, a comunidade católica reagiu contrariamente à exibição do filme. A Disney recusou distribuir o filme por meio de sua subsidiária Miramax. Tudo começa quando dois anjos, Loki e Bartleby, condenados a viver para toda a eternidade em Wisconsin (EUA) decidem ingressar na seita de um cardeal charlatão de Nova Jersey. O líder religioso anuncia que quem passar pela porta de sua igreja terá o perdão eterno. Se os dois anjos conseguirem realizar essa tarefa, será a prova de que Deus não é perfeito. Deus, porém, sabe dos planos dos dois. Envia à Terra o anjo Metatron para eleger um humano capaz de evitar a ação dos anjos. A escolha recai sobre Bethany, funcionária de um clínica de abortos. Seres humanos e celestiais empreendem com ela uma peregrinação a Nova Jersey para tentar evitar o feito dos anjos, que levaria ao Apocalipse. Tudo isso misturado a inúmeras alusões a sexo e drogas. Sacrilégio ou um dos filmes mais divertidos do ano? Ofensivo ou hilariante? Dogma vai dar o que falar. No Brasil, o filme estreou na primeira semana de janeiro/2001.

Kevin Smith se diz um católico praticante e considera o filme o testamento de sua fé. Diz que o filme foi feito pra rir. Agradece a Deus nos créditos finais. É fã de quadrinhos e animação e tentou dar um ar de “fantasia” ao filme.

HORA DO RECREIO

“Recess: School’s Out” EUA/2001 – 82 min.

Como tudo que a Disney tem feito, é um filme cheio de suas malícias. Mas o que mais chama atenção, é o final do filme! Quando este termina a história, aparece uma faixa musical, em forma de “vídeo clip” de desenho animado, que não tem absolutamente nada a ver com o contexto do filme, mas que é recheado de mensagens de Nova Era. Aparecem alusões aos Beatles, ao movimento rippie, aparece George Harrison tocando um instrumento indiano (me parece que uma cítara), alusões a Jimmi Hendrix, uma garota que dança feito uma serpente da qual saem vários braços (talvez uma alusão à Shiva), em fim, é cheio de mensagens subliminares que só vocês conferindo mesmo para saber.

Minha sobrinha de três anos assistiu este filme uma noite após chegar da escola e quando foi no outro dia pela manhã ela estava insuportável de tanta pirraça! Queria ficar a manhã toda assistindo o filme e chorando porque queria ver um tal ursinho que aparecia no filme. Mas quem disse que encontramos o tal ursinho no desenho todo?!

Com paciência fomos colocando louvores, repreendemos aquele espírito de pirraça e então, para a glória de Deus, em pouco tempo após fazermos isso ela se acalmou, se esqueceu do desenho e voltou a ser a ótima menina que sempre foi.

Esta é uma experiência que tivemos com este de desenho. Gostaríamos que vocês olhassem este desenho e dessem a opinião de vocês!

666 no logotipo da Disney

O primeiro 6 está invertido, disfarçado no “D”, o segundo no estranho pingo do “i” e o último no extravagante “y”. A maioria dos desenhos contém “666”escondidos. O mais reconhecível está no desenho HÉRCULES, onde as curvas em estilo grego das nuvens, fumaças e partes do corpo são todos em forma de “6”.

Império

O maldito império da Disney começou no dia 15 de Novembro de 1965, o Walt Disney comprou uma extensa área aqui em Orlando, em 1971 a Disney abriu suas portas, Walt Disney sempre foi um ateu confessado, os funcionários da Disney não são expostos a testes anti-drogas, nem para se associar e nem com freqüência, a introdução da tão chamada Nova Era tem como um grande portal de monopólio a Disney World, o grande interesse da Disney é corromper a família, se você nunca parou para pensar aqui eu vou listar algumas coisas para você refletir.

- Tio Patinhas não é casado não tem pais nem filhos, apenas sobrinhos, e é Tio do Donald.

- Donald é tio, sem pai e mãe sem filhos, tem 3 sobrinhos e namora com Margarida, e é sobrinho do Tio Patinhas.

- Margarida não tem pai nem mãe nem filhos, nem sobrinhos, namora com Donald.

- Mickey sem pai sem mãe sem filhos tios e sobrinhos, totalmente individual namora com Minnie.

- Pateta sem pai sem mãe sem filhos tios e sobrinhos totalmente individual amigo do Mickey namora com Clarabela.

A conclusão é que não existem pais mães e filhos, os filhos são todos sobrinhos e todos órfãos, Donald é sobrinho porem é conhecido como tio, os únicos sobrinhos são Huginho, Zezinho e Luizinho, são 3 órfãos e nos dedos dos pés cada um possuem 3 dedos em cada pé os 3 sobrinhos com 3 dedos em cada pé, formando o numero 666.

Veja esta mensagem subliminar da Disney na propaganda de um computador:

Lançamento do computador Macintosh modelo G3 revela a cabeça do Mickey. A organização de Walt Disney nega o envolvimento, assim como a Apple.

Fatos

Você Já notou que:

- As relações interpessoais dos personagens, em especial o Tio Patinhas, reproduziam a lógica capitalista, ou seja, o dinheiro e a acumulação de bens como fator predominante?

- Os sobrinhos de Donald, parecem não ter filiação (pelo menos raramente se pronunciaram a respeito) e que apesar disso, vivem felizes para sempre?

- O ‘Manual dos Escoteiros’ é a sua bíblia? E que esta bíblia tem solução para todos os tipos de problemas que eles tem pela frente? Que este ‘Manual’ faz dezenas de citações a bruxas, feiticeiros e que ensina a criança até a fazer algumas mandingas ou pequenos feitiços?

- O Donald e o Mickey nunca se casam com Margarida e Minnie, respectivamente? Que são eternos namorados, e nunca constituem uma família?

- O Tio Patinhas passa um espírito de avareza e ambição incontrolável? Que freqüentemente está envolvido com Donald e seus sobrinhos, em expedições à terras distantes e ‘imaginárias’ em sua busca desenfreada por mais dinheiro? Que estes povos longínquos são (mostrados de maneira subliminar) povos do terceiro mundo, em especial da América Latina e Brasil?

- Os índios mostrados nas histórias são sempre inimigos, e não os donos legítimos destas terras?

- Os povos estrangeiros geralmente são caracterizados como ingênuos, tribalizados e atrasados?

- Desde pequenas, as crianças são ensinadas que o avanço e progresso tecnológico são conseguidos graças a ambição, domínio e força dos poderosos sobre os fracos, e que isso não é injustiça social?

- Seus personagens já foram usados [e muito] a serviço do “American Way of Life” (estilo de vida americano) e como propaganda política dos EUA?

- Em 15/11/1965, um homem chamado Walt Disney, revela ser o comprador das terras em Orlando, Flórida, que em 01/07/1971 abriria as portas para o mundo como a ‘Disney World’.

- Walt Disney, o homem que inventou o desenho animado e criador da Disney World, era ateu.

- A Disney queima incenso todas as quartas-feiras à tarde.

- Uma jovem que trabalhava na Disney sentia vontade de suicidar-se. Quando saiu de lá, ficou livre desta sensação.

- Uma criança queria que a mãe comprasse todos os filmes da Disney, senão ela a mataria enquanto dormia.

- Há alguns anos a Disney comprou 11 mil acres de terras, para ensinar as técnicas da Nova Era, de Shirley McLane.

- Um menino de 12 anos, nos EUA foi introduzido no satanismo através dos filmes da Disney.

- Um homem que trabalhou 16 anos na Disney relatou que certa vez arrumando os armários dos donos, no 2º andar, viu dentro deles altares com velas negras e pentagramas, e que em um pentagrama havia uma capa de fita de vídeo para cada ponta da estrela, consagradas ao diabo, para vender e fazer sucesso.

É tempo de boicote à Disney

- A subsidiária da Disney Hollywood Records está distribuindo discos do grupo Danzig cuja música é “entremeada de temas Satânicos”. Los Angeles Times, 10/18/1996.

- Eisner e a Walt Disney Company são ambos doadores para People For the American Way (PAW), um grupo cujo objetivo declarado é “acompanhar e contra-atacar os objetivos divisivos da Direita Religiosa.” Relatório Anual da PAW.

- A Disney assinou com Martin Scorsese, o diretor da Última Tentação de Cristo, Taxi Driver e muitos outros filmes polêmicos, um contrato de 4 anos. Daily Variety, 30/01/1996.

- A Disney contratou Kevin Smith para produzir dois filmes: Dogma, que ataca o cristianismo, dizendo que a crença cristã é um pouco mais que mitologia e Chasing Amy. Daily Variety, 03/11/1995.

- Mark Gill, o presidente da Miramax, de propriedade da Disney, admitiu que sua companhia prospera com promoções agressivas e freqüentemente violentas de seus filmes. Daily Variety 03/11/1995.

- Pulp Fiction (Miramax) é um filme super violento, estrelado por John Travolta, foi censurado para menores de 17 anos antes de ser editado. Entertainment Weekly, 10/06/1994; Daily Variety, 15/06/1994.

- A Cor da Noite (Color of Night – Hollywood Pictures), mostra as estrelas Bruce Willis e Jane March envolvidas em numerosas cenas de sexo, mostrando completa nudez frontal. Entertainment Weekly, 10/06/1994; Daily Variety, 15/06/1994.

- The Advocate (Miramax) é repleto de nudes. O filme foi censurado para menores de 17 anos mas após um recurso ao judiciário (e depois de cortar 12 segundos de cenas de sexo) foi liberado para menores acompanhados. Daily Variety, 17/08/1994.

- O Balconista (Clerks – Miramax). Um filme em preto e branco sobre o balconista de uma loja de conveniências, em Nova Jersey, foi originariamente censurado para menores de 17 anos por causa da linguagem sexualmente explícita e descritiva que prevalece em todo o filme, depois foi liberado para menores acompanhados. Daily Variety, 12/10/1994.

- Kids (Miramax) foi descrito pela revista Variety, como “um dos mais controvertidos filmes americanos já produzidos”. De acordo com o Newsweek, “o filme acompanha um número de meninos e meninas que estão entrando na adolescência, na cidade de Nova York, quando eles fumam maconha, batem em negros e simulam sexo”. Sob pressão, Miramax criou uma companhia independente para comercializar e distribuir o filme pornográfico. Daily Variety, 27/01/1995; Newsweek, 20/02/1995; Wall Steet Journal, 30/03/1995; AP, 29/06/1995.

Revista Witch

Por Pr. Alexandre Farias.

Depois do ‘carro-chefe’ Harry Potter, a bruxaria teve um crescimento no meio das crianças e até mesmo no meio pedagógico, em vista que muitas professoras têm orientado seus alunos a lerem os livros do pequeno Bruxo. O caderno ZH, do jornal ZERO HORA, de 02/06/03, traz uma matéria com o título “As bruxas andam soltas na educação”, provando que o tema tem sido tão sedutor, que já virou tese de doutorado de uma socióloga da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFGRS), baseando-se no poder de encantamento das bruxas.

Nas bancas de jornais qualquer criança pode ter acesso a revistas especializadas em bruxaria, uma delas que está fazendo o maior sucesso é a WITCH, publicada pela Disney em vários países.

Ela chegou ao Brasil com o objetivo de ser a “melhor amiga das meninas”. O próprio site da editora Abril, que comercializa a revista, define que a revista pretende ajudá-las a viver esse período da vida mais preparadas, confiantes e capazes de superar as dificuldades comuns da fase da adolescência.

Trazer matérias como astrologia, esoterismo, rituais do mês, seria preparar adolescentes de 9 a 13 anos para a vida? Este é o perfil dos leitores da Witch. A matéria “Pactos – O Poder e a Inconsciência”, da revista Sexto Sentido, ano 3, nº. 36, tem uma definição que pode fazer alguns pais pensarem antes de colocar a revista Witch nas mãos de suas crianças. “Para ser um bruxo, a pessoa precisa ter a bruxaria como propósito de alma, já que é um caminho sem volta. Significa não ser movido por uma necessidade urgente de momento, o que não quer dizer que um bruxo não possa ter as suas necessidades e problemas”.

A revista Witch tem ensinado às meninas o que a Bíblia diz para ficarmos longe. Essa revista em seus ‘rituais do mês’, tem levado a criança a ter contato com magias e encantamentos. O ‘ritual do mês’ de novembro de 2002 enfocava o uso do incenso, uma prática religiosa, onde os indianos acreditam que cada incenso reúne energias e contém as forças do elemento terra e que seu cheiro e sua fumaça são meios de falar com os deuses.

O ritual chamado “Fumaça Mágica” tem o objetivo de levar uma resposta à garota nas suas decisões importantes. Veja o texto colocado como dica: “O incenso pode ajudar você a tomar decisões importantes, sabia? Imagine que você está a fim de um garoto e não sabe o que fazer. Daí é só pegar um pedaço de papel e escrever nas quatros bordas opções de coisas que você poderia fazer para se aproximar dele como ligar, mandar um e-mail ou um bilhete, esperar ele vir até você ou pedir para uma amiga falar com ele. Coloque seu incensário em cima do papel e acenda o incenso. A direção que a fumaça tomar vai indicar o que você deve fazer”. Qual é a menina que no período da adolescência não fica gostando de um garoto? Além destas informações, na compra da revista vem o incensário e o incenso. Existem ainda dicas de qual hora é boa para acender o incenso, o que ele pode trazer como bons fluidos e bons sonhos. Esta é uma revista totalmente dedicada às meninas, com intuito claro de levar o conhecimento de práticas de bruxaria, sabendo que esta tem sido uma religião matriarcal.

fonte http://www.jesusfontedeaguaviva.com.br/imperio-satanico-da-disney/

Protestantes Retornam a Igreja Catolica


O presente artigo visa desmascarar a lenda de que "crescem" as seitas protestantes, evangélicas, crentes, ou seja lá como gostam de serem chamadas.
Presidente da sociedade teológica evangélica retorna à Igreja Católica:

WASHINGTON DC, 08/05/2007 (ACI).- Francis Beckwith renunciou esta semana a seu cargo de Presidente da Sociedade Teológica Evangélica (ETS). O motivo: retornou à Igreja a Católica onde cresceu e que abandonou para abraçar o protestantismo. Beckwith relata que começou sua volta à fé em que cresceu, quando decidiu ler alguns bispos e teólogos dos primeiros séculos da Igreja. "Em janeiro, por sugestão de um amigo querido, comecei a ler os Padres da Igreja assim como alguns trabalhos mais sofisticados sobre a justificação em autores católicos. Comecei a convencer-me que a Igreja primitiva é mais católica que protestante e que a visão católica da justificação, corretamente compreendida, é bíblica e historicamente defensável". Por isso, em 28 de abril passado recebi o sacramento da Confissão". Veja a notícia

Igreja Católica para de perder fiéis no Brasil:

Para a desgraça geral dos evangélicos, mais recentemente, pouco antes da vinda do Papa Bento XVI, em 2007, a Fundação Getúlio Vargas divulgou em pesquisa, que: A Igreja Católica parou de perder fiéis no Brasil. Na década de 1990, o número diminuía cerca de 1% a cada ano. A partir de 2000, não houve mais queda. Veja a notícia

As pesquisas do IBGE acontecem a cada 10 anos, veja que contrariando a falsa notícia de que o número de católicos é cada vez menor, provamos que o número de católicos, é, e sempre foi, cada vez maior que na pesquisa da década anterior, confira:

Segundo o IBGE, em 1940 no Brasil havia 39,2 Milhões de católicos; em 1950, 48,6 Milhões; em 1960, 65,3 Milhões; em 1970, 85,5 Milhões; em 1980, 105,9 Milhões; em 1991, 121,8 Milhões; em 2003, 139,24 Milhões. Este é todo compêndio de pesquisas feita desde 1940 pelo IBGE. (Fonte: IBGE).

Nos USA cai vertiginosamente o número de evangélicos e cresce o de católicos:

Um estudo feito pelo instituto Gallup indicou que, desde a Segunda Guerra Mundial, o número de católicos subiu de 20% para 27% da população norte-americana, enquanto os protestantes diminuíram de 69% para 59% e os judeus caíram de 5% para 1%. Veja a notícia
O número de católicos nos Estados Unidos ultrapassa o de evangélicos no Brasil:

No maior país evangélico do mundo, que são os Estados Unidos, os católicos lá, conta 66 milhões e 400 mil católicos, com um incremento anual de 2%, índice igual ao crescimento demográfico. Este número é quase três vezes o número de evangélicos aqui no Brasil, e nunca os católicos, pilheriaram dizendo que os Estados Unidos são uma "nação católica". (Fonte:Veja a notícia )

O papa João Paulo fez crescer o número de católicos no Brasil e no mundo:

Veja a evolução do número de católicos no Brasil e no mundo, conforme dados da ONU e IBGE: quando João Paulo II iniciou seu pontificado, a Igreja Católica tinha 757 milhões de católicos, ao fim de seu pontificado tem 1 Bilhão e 98 milhões de católicos. Nos Estados Unidos o número de Católicos saltou para 74 milhões (esse número é quase três vezes maior que o número de evangélicos no Brasil). No Brasil, quando o Papa João Paulo II assumiu, em 1978, tinha 85,5 milhões, agora tem 125 milhões de católicos. O Papa ampliou a presença da Igreja de 110 para 180 países. (Fontes: IBGE, ONU).

Outra notícia espetacular acaba de ser divulgada:
Cresce número de católicos no mundo: Veja a notícia

Escândalos de padres desviados não afastam fiéis nos Estados Unidos. A Igreja Católica cresce e o protestantismo definha:

Noticiou o jornal O Correio: Os vários casos de padres pedófilos não interromperam o aumento na quantidade de fiéis da Igreja de Roma nos Estados Unidos. Segundo dados do Vaticano, o país tem hoje mais de 74 milhões de católicos. Um estudo feito pelo instituto Gallup indicou que, desde a Segunda Guerra Mundial, o número de católicos subiu de 20% para 27% da população norte-americana, enquanto os protestantes diminuíram de 69% para 59% e os judeus caíram de 5% para 1%.

Veja a notícia

Diz site evangélico: "Há algo errado com o povo chamado evangélico"

Veja a notícia

Outro site evangélico questiona: "o que aconteceu com os evangélicos?"

Quando Paulo Romeiro escreveu 'Evangélicos em Crise' em meados da década de 90, ele apenas tocou em uma das muitas áreas em que o evangelicalismo havia entrado em colapso no Brasil: a sua incapacidade de deter a proliferação de teologias oriundas de uma visão pragmática e mercantilista de igreja, no caso, a teologia da prosperidade. Fica cada vez mais claro que os evangélicos estão atualmente numa crise muito maior, a começar pela dificuldade - para não falar da impossibilidade - de ao menos se definir hoje o que é ser evangélico. (Augustus Nicodemus Lopes). Veja a notícia

Católicos partem para ser maioria na Inglaterra

LONDRES, 16/02/2007 (ACI).- Os católicos no Reino Unido aumentam cada dia mais, devido à intensa imigração dos últimos anos, sobre tudo dos países do leste europeu como a Polônia, e poderiam chegar a superar o número de anglicanos no país. Assim o assinala um relatório do instituto Von Hugel, de Cambridge, que foi publicado ontem no jornal The Times, segundo o qual as paróquias católicas vêem crescer fortemente o número de fiéis. Enquanto em alguns lugares, a Igreja Católica respondeu positivamente a esse fenômeno, em outros se viu "afligida" pela magnitude do desafio que representa a maciça afluência de novos fiéis, explica o relatório.Veja a notícia

Grupo de anglicanos solicita ingressar "em massa" à Igreja Católica: Veja a notícia

Luteranos finlandeses querem voltar ao catolicismo:

Os Luteranos finlandeses manifestaram a intenção de fazer parte da Igreja Católica. Após o apelo à unidade lançado por Bento XVI na sua primeira viagem do Pontificado, a Bari, o Bispo luterano de Helsínquia explicou que a verdadeira intenção de Martinho Lutero "não era fundar uma nova Igreja, mas renová-la".

D. Eero Huovinen, que também participou no Congresso Eucarístico Nacional Italiano de Bari, afirmou à Agência Ecclesia que "nós, os Luteranos finlandeses, queremos fazer parte da Igreja Católica de Cristo", numa declaração de intenções que poderá ter consequências nos próximos tempos.

Uma delegação desta Igreja visita todos os anos o Vaticano por ocasião da Festa de S. Henrique, patrono do país. "Junto com os irmãos e irmãs católicos, rezamos para poder ser uma só carne em Cristo", conclui D. Huovinen, líder da Igreja a que pertencem cerca de 85% dos finlandeses. Fonte: Jaime Francisco de Moura - CN em 26 Maio de 2005./Zenit/.Veja a notícia

Converte-se ao catolicismo o maior espalhador de calúnias contra a Igreja:

Dr. Scott Hahn ex-pastor presbiteriano, hoje é professor na Franciscan University of Steubenville - Ohio. Tornou-se um dos maiores pregadores católicos dos EUA. Ele foi um ferrenho aliciador de jovens católicos para o protestantismo, tendo distribuído inúmeras cópias do livro Roman Catholicism, de Loraine Boettner , conhecido como a bíblia do anti-catolicismo, mais de 450 páginas contendo todo o tipo de distorções e mentiras sobre a Igreja Católica. O cd do seu testemunho de conversão atingiu o maior número de cópias distribuídas em todos os tempos. O seu testemunho pode ser acessado pelo site: http://www.chnetwork.org/scotthconv.htm ou em português no site:Veja a notícia

Grande grupo de pastores se converte ao catolicismo:

A revista norte-americana Sursum Corda Special Edition 1996, noticiou que nos últimos anos, cinqüenta pastores protestantes se converteram ao Catolicismo, sendo que outros mais estão a caminho da Igreja Católica. O artigo respectivo, da autoria de Elizabeth Althau, tem por título Protestant Pastors on the Road to Roma, (pp. 2-13).

Alan Stephen Hopes, "ex-pastor" e "bispo" Anglicano, convertido ao Catolicismo, foi nomeado Bispo auxiliar de Westminster por João Paulo II, após ter sido padre por vários anos. (Para ver os testemunhos destes "ex-pastores" e outros mais, leiam o livro: "Por que estes ex-protestantes se tornaram Católicos". Editora ComDeus - São José dos Campos.
TV católica está convertendo os norte-americanos:

Marcus Grodi - ex-pastor presbiteriano convertido ao catolicismo, nos Estados Unidos, tem um programa às segundas-feiras, às 20h, na televisão EWTN (católica) com uma ótima audiência, no qual sempre entrevista um ex-protestante convertido. Muitos ligam durante o programa para perguntar algo e terminam dizendo que já estão se convertendo. Saltou para 74 Milhões o número de católicos nos Estados Unidos, esse número é quase três vezes maior que o de evangélicos no Brasil.

Para constatar a corrida dos evangélicos para a Igreja Católica de Jesus Cristo, consulte o Livro: "Porque estes ex-protestantes se tornaram católicos! " Autor: Jaime Francisco de Moura Editora COMDEUS Págs: 52-54.

Essa foi ótima:

Ex-protestante convertido aponta 150 razões por ter virado católico: Veja a notícia

Outra notícia maravilhosa: Igreja Pentecostal Maranata decide se tornar católica:
Acesse: Veja a notícia , e veja os testemunhos fantásticos do pastor, de sua família e dos ex-protestantes dessa igreja, que viraram católicos depois de descobrir qual a verdadeira igreja de Cristo.

Em meio a estas notícias espetaculares para os católicos, os sites evangélicos confessam:

Igrejas evangélicas "pedem socorro", com tanto "pastor" pornográfico.

Veja a notícia "64% dos pastores evangélicos e evangélicos são pornográficos e 25% são adulteros:

Patrick Means, em seu livro Men's Secret Wars (As Guerras Secretas dos Homens), numa pesquisa entre os "evangélicos" destaca: 64 por cento dos "pastores evangélicos" e leigos têm problemas com vício sexual, inclusive pornografia e outras atividades sexuais secretas. Especificamente, 25 por cento confessaram ter cometido adultério depois de casados e depois de se tornarem "evangélicos". Diz o Artigo de Julio Severo, no site evangélico: Veja a notícia

Na Europa e nos USA já estão vendendo as igrejas evangélicas:
Já aflorou até uma liquidação de venda de igrejas protestantes. Na página http://www.property.org.uk/unique/ch.html é possível ver várias. Algumas já foram convertidas em residências particulares ou hotéis.

Na Suécia, Dinamarca, Grã-Bretanha, Alemanha e Holanda, dezenas de templos protestantes, foram convertidos em bancos, supermercados, museus e repúblicas estudantis em razão da perda de fiéis e dos escassos meios econômicos.

Enquanto isso, o Islã espera converter-se na segunda religião na próxima década, logo atrás do Catolicismo. As confissões alemãs precisam de dinheiro para manter sua burocracia; no entanto, este dinheiro torna-se escasso em razão da diminuição de fiéis e paralisação econômica, fatores que repercutem no chamado imposto religioso, isto é, uma quantidade que o Estado retira dos cidadãos e repassa para a igreja a que pertence cada contribuinte. Por isso, os pastores têm optado pela venda dos templos. Na Alemanha, berço do protestantismo, 50% dos alemães já não crêem em Deus. (Fontes consultadas: La Razón - 21.01.2004), (Instituto Emnid), (Popular/Quentinhas do site Terra 31/01/2006).

Depois de experimentar o enxofre das seitas, como o filho pródigo, voltam os dispersos a casa do Pai.


***
Fonte:
http://www.bibliacatolica.com.br/blog/protestantismo/o-fim-dos-evangelicos

Paris: cinco mil católicos marcham contra a cristianofobia e as obras blasfemas.


O evento organizado em Paris pela Civitas e apoiado por diversos movimentos e associações católicas, no sábado, 29 de outubro de 2011, foi um grande sucesso. Ele contou com a participação de cerca de 5.000 pessoas – em sua maioria jovens –, que percorreram as ruas da capital francesa sob chuva, por trás de um cartaz com os dizeres: “A França é e deve continuar sendo católica”. Diversos sacerdotes também participaram da marcha.

O evento serviu para denunciar os ataques de ódio e desprezo sofridos pelo cristianismo e a figura de Cristo na comunidade chamada “cultural”, a cristianofobia em geral e, particularmente, contra as obras de teatro blasfemas, tanto a que está sendo exibida como outra que se pretende apresentar.

Foi uma longa e digna caminhada, com slogans, cantos e orações. As cifras dos manifestantes superaram as estimativas, que haviam sido calculavam em centenas ao invés de milhares de participantes.

A prefeitura desviou o curso da marcha até um lugar estreito, muito distante de onde ocorreu a blasfêmia.

Evento improvisado posterior à marcha

Culminada a marcha e depois de vigorosos discursos, entre eles o de Alain Escada, secretário geral da Civitas, e do Padre de Cacqueray (FSSPX), a manifestação se dispersou.

Mais tarde, vários desses participantes seguiram junto com alguns grupos ao Place du Châtelet, com vontade de protestar contra o teatro onde a obra se desenvolvia, diante da presença de Frédéric Mitterrand, “o ministro de Cultura.”


O primeiro grupo de jovens católicos chegou ali pacificamente, porém, teve que dar marcha à ré porque a Compagnies Républicaines de Sécurité da Polícia Nacional da França os recebeu atirando gás lacrimogêneo contra a multidão, sem perdoar nem mesmo os sacerdotes presentes.

Com grande tensão, frente a frente, os católicos se ajoelharam e começaram a rezar o rosário varonilmente. Os sacerdotes se encontravam na primeira linha à frente dos fiéis.

Outros grupos dos manifestantes chegaram depois (cerca de 400 pessoas no total), e de novo se fez a mesma coisa que a noite anterior: orações, cantos e lemas, durante duas horas antes da dispersão geral às 23h.

Como dado curioso informamos que durante a marcha um grupo de muçulmanos do Centro Zahra (chiítas) simpatizou com os católicos e se uniu a eles, a mesma coisa ocorrida em evento improvisado na Place du Châtelet, um pequeno grupo de islamistas de “Forsan Alizza”.

Fonte: http://fratresinunum.com