Exorcismo

Padres Exorcistas explicam

Consagração a Virgem Maria

Escravidão a Santissima Virgem, Orações, Devoção

Formação para Jovens

Espiritualidade, sexualidade, diverção, oração

29 de set de 2010

EXTRA! MAIS UM BISPO CATÓLICO DENUNCIA MANIPULAÇÃO POLÍTICA PERIGOSA DO PT E COMPRA DE VOTOS NO NORDESTE

Dom Emílio denuncia as táticas do PT no Nordeste.
Assista clicando aqui.

Faça a sua parte!


"Aquele que souber fazer o bem, e não o faz, peca. " Tg 4,17




Caríssimos Irmãos e Irmãs,


É chegado a hora de decidirmos o destino de nosso país. É chegado a hora de glorificarmos o Nome de Jesus (cf. Jo 12,23). Podemos fazer isto neste domingo, 3 de outubro, pós festa dos Santos Anjos e véspera de São Francisco. No dia dedicado ao Senhor, dia em que glorificamos a Cristo na Santa Missa, somos convidados a cumprir nosso papel como cidadão. A nossa fé não pode estar acima da Democracia. A verdade está sufocada e apenas nós, homens e mulheres de fé, comprometidos com o Evangelho, podemos fazer a diferença.

A CNBB Sul 1 lançou uma nota que pode ser impressa em forma de panfleto de 4 páginas para distribuirmos em nossas igrejas e grupos. Neste panfleto encontra-se uma exortação que apenas a Igreja, como Mãe e Mestra, têm por direito e obrigação em dar: nossos bispos recomendam que não votemos em candidatos pró-aborto e denunciam que o Partido dos Trabalhadores assimiu compromisso com a legalização do aborto durante seu III Congresso, em 2007. Caso você ainda tenha dúvida, assita a este vídeo.

Faça o download, imprima e distribua para o maior número de pessoas que você puder. Fazendo isso, você fará o bem que pode e não pecará. Não enterre o talento que o Senhor lhe deu. Não deixe que Cristo morra em cada bebê abortado. Lute pela vida! Lute pela sua liberdade de expressão!Isto é de interesse de todos nós!

Download frente e verso do planfleto

Download interno do panfleto

O dia da decisão está chegando!

Você está rezando por essas eleições?
Você já estudou tudo o que é necessário para definir seu voto?
Se ainda não, ainda dá tempo, mas não demore! Domingo está aí!!!

Penso que o primeiro critério a ser observado é a consciência cristã do eleitor. De nada adianta votarmos em alguém que vá completamente contra a nossa fé só porque criou isso ou aquilo, ou porque pertence a Igreja tal. Não. Para isso, a Igreja nos orienta a observar se o candidato que escolhemos usará de tudo quanto for necessário para denigrir a fé ou defendê-la; se estará ao lado dos fatores morais ou amorais; se é um militante dos valores éticos ou não. Não é difícil observar isto em nossos candidatos, seja a qual cargo for. Quem leu e estudou tudo durante todos estes dias sabem bem do que estou falando. Há outros critérios que foram bem elencados pelos Bispos do Rio de Janeiro, do qual aconselho-os a ler.

O segundo critério, em meu ver, é a trajetória do candidato. Ele foi o que na política? E no quadro sociohistórico da sociedade? O que ele já fez de bom para o povo? Quais são seus argumentos filosóficos? Que representatividade este candidato fará? Qual a sua ideologia?

Um terceiro critério não menos importante é o partido ao qual este candidato pertença. Qual a Filosofia do Partido? Sua ideologia? Suas conquistas? O que este partido representa para a sociedade? Qual a história de militância do mesmo? O que seu estatuto traz que possa divergir dos meus valores?

Há ainda muitos outros pontos a serem analisados. Eu, por exemplo, jamais votaria no PT. Sabemos que o que salvou a economia brasileira foi o plano Real, e O PT, quando era da oposição, VOTOU CONTRA. Porém, ao tornar-se governo, aplicou-o tim-tim por tim-tim. Gabam-se por terem criado o Bolsa-esmola-Família, quando na verdade apenas juntou as tantas bolsas que o governo FHC havia criado. Mas isso é hábito do partido, que também NÃO VOTOU NOSSA CONSTITUIÇÃO - e portanto não sente nenhum compromisso com ela. A "democracia" sonhada pelo PT não é a atual democracia brasileira. Talvez porque eles quisessem algo "Alá Fidel", ou porque, na incopetência partidária, preferiram "ir na onda" que pegaram, no caso, o Governo FHC. Meus amigos que são Funcionários Públicos atestam: "no governo FHC tivemos o maior salário mínimo em valor efetivo, quase o dobro do atual".
Houve coisas boas no governo atual? Sim. Nada é completamente ruim. Mas não podemos nos deixar guiar por um governo que milita em pôr o pão em nossa mesa, e em contrapartida milita muito mais contra os valores éticos e morais, que diretamente tocam os nossos princípios e os moldam, ou afrontam. São os valores éticos, morais, filosóficos -e porque não - espirituais, que devem estar acima do pão nosso de cada dia. Apesar de vivermos em uma realidade democrática, jamais podemos colocar a democracia e a cultura acima da fé. O que deve estar em primeiríssimo lugar é a sua consciência diante de Cristo. É por Ele que você exerce seu papel civil democrático. Com isso, fica fácil escolher os candidatos que se opõe aos valores éticos, morais e cristãos.
Avalie o seu perfil com o do seu candidato. Observe quais são os candidatos que lutam por valores éticos, morais e religiosos. Saiba quem são os candidatos que labutam em questões que interessam a você, eleitor e cidadão católico.

Deixo aqui algumas coisas que puliquei em meu blog sobre política, também a contribuição de alguns blogs que sigo ou trabalho em parceria. Leia, clique nos intertextos e aprenda sobre tudo o que as eleições representam. Penso que poderá ajudar.


Ela terá 11 minutos

Os cristãos se levantam

O silêncio dos bons

Igreja, ouça seu Pastor

A um mês das eleições

O apelo dos Bispos de São Paulo

A menos de um mês das eleições

Não faltam motivos para não votar no PT

Eu vos apresento Dilma Rouseff

Salvem o Brasil

Kit Dilma

De que lado está Gabriel Chalita

Os protestantes e a Marina Silva

A obra de Maria e o PT

Ives Granda explica o PNDH3

Catofobia

Gabriel Chalita processa comunidade católica

Mãe dá lição de moral em petista

Lula: um fenômeno religioso

Chalita explica: é tudo boato

Quem está por trás do Tiririca

O que a RCC diz sobre as eleições

Padre Paulo Ricardo explica como votar

Dom Manuel Pestana se pronuncia sobre o PT

Dom Manuel Pestana escreve a José Serra


A ditadura anunciada

Orientação Pastoral de Don Rifan

Para os reticentes

Índio da Costa assina compromisso contra o aborto