12 de jun de 2010

Nada jamais substituirá os sacerdotes na Igreja, recorda o Papa Bento XVI

- Ao finalizar ontem a multitudinária Eucaristia que foi concelebrada por mais de 15 mil presbíteros vindos de todas as partes do mundo para a clausura do Ano Sacerdotal, o Papa Bento XVIsaudou em distintos idiomas. Em português o Santo Padre recordou que "nada jamais substituirá o ministério dos sacerdotes na vida da Igreja".

Em sua saudação em espanhol, o Papa pediu a Deus "que esta celebração se converta em um vigoroso impulso para seguir vivendo com gozo, humildade e esperança seu sacerdócio, sendo mensageiros audazes do Evangelho, ministros fiéis dos Sacramentos e testemunhas eloqüentes da caridade".

"Com os sentimentos de Cristo, Bom Pastor, vos convido a continuar aspirando cada dia à santidade, sabendo que não há maior felicidade neste mundo que gastar a vida pela glória de Deus e o bem das almas", acrescentou.

Em português, o Papa agradeceu a Deus "pelo que sois e o que fazeis, recordando a todos que nada jamais substituirá o ministério dos sacerdotes na vida da Igreja. Ao exemplo e sob o patrocínio do Santo Cura D’Ars, perseverem na amizade de Deus e deixem que suas mãos e seus lábios sigam sendo as mãos e os lábios de Cristo, único Redentor da humanidade".

0 comentários:

Postar um comentário