4 de jan de 2011

Famílias devem ser santuários que sempre defendam a vida, exorta Bento XVI


Vaticano, 03 Jan. 11 / 05:14 pm (ACI).- Ao presidir a oração do Ângelus deste domingo, o Papa Bento XVI se dirigiu aos mais de um milhão de espanhóis congregados em Madrid aos quais recordou que as famílias devem ser santuários de caridade e esperança onde se defenda e acolha sempre a vida.

Assim o indicou em sua mensagem aos espanhóis reunidos na Praça de Colombo em Madrid que celebram pelo quarto ano consecutivo a festa da Família, e cujo tema este ano era: "A família cristã, esperança para a Europa".

"Convido-lhes a serem fortes no amor e a contemplar com humildade o Mistério do Natal, que continua falando com coração e se converte em escola de vida familiar e fraterna", disse desde a Praça de São Pedro o Papa Bento.

"O olhar maternal da Virgem Maria, o amoroso amparo de São José e a doce presença do Menino Jesus são uma imagem nítida do que tem de ser cada uma das famílias cristãs, autênticos santuários de fidelidade, respeito e compreensão, nos que também se transmite a fé, fortalece-se a esperança e se aviva a caridade".

Por isso, "animo a todos a viverem com renovado entusiasmo a vocação cristã no seio do lar, como genuínos servidores do amor que acolhe, acompanha e defende a vida. Façam de suas casas um verdadeiro foco de virtudes e um espaço sereno e luminoso de confiança, no qual guiados pela graça de Deus se possa sabiamente discernir o chamado do Senhor, que segue convidando ao seu seguimento".

Finalmente encomendou "ferventemente à Sagrada Família de Nazaré os propósitos e frutos desse encontro, para que sejam cada vez mais as famílias nas que reine a alegria, a entrega mútua e a generosidade".
Fonte: ACI Digital

0 comentários:

Postar um comentário