16 de nov de 2011

TV Canção Nova se rende à 'teologia da libertação'?


Sobre a decisão polêmica da Canção Nova, o melhor texto é o DEUS LO VULT, do amigo Jorge Ferraz. Entretanto, creio que será muito oportuno que os membros deste movimento escutem o Pe. Paulo Ricardo no vídeo abaixo:


O que o Pe. Leo teria a dizer sobre a contratação de deputado do PT Edinho Silva, amigo do ex-presidente e coordenador da campanha Dilma, a candidata pró-aborto, para apresentar um programa na maior emissora católica do país?
O Pe. Leo responde:


Entendam, Não queremos o fim da CN, mas o fim do PT NA CN:
Fora PT!


3 comentários:

  1. Queria começar dizendo que acima de tudo sou Católico e peço que reflitam, visito sempre esse site e gosto muito das pregações do Anderson mas tenho que relembrar uma coisa, o que seria das missões do Anderson se não fosse a canção nova pois foi com a canção nova que abriu as portas de missão para ele, inclusive onde ele esteve pregando a um tempo atras, a canção nova e sim uma obra de Deus e tem seus problemas como qualquer outra instituição, sempre tem o joio que cresce com o trigo, se for falar assim então temos que começar a falar mal também do vaticano, pois la dentro existem 8 lojas maçônicas e acontece missas negras, mas a Igreja e santa, mas sempre haverá o joio que quer tampar o trigo, a canção nova e obra de Deus mas infelizmente existe o joio la também, esse fim de semana foi realizado um dos melhores encontros que participei da minha vida na canção nova com o padre Rufus onde a graça de Deus desceu abundante-mente, eu não acho e nunca achei certo o que a CN esta fazendo , começando com o herege do Chalita, mas do jeito que esta sendo colocado nas postagens parece que a CN e o próprio demonio. Peço que tenham mais discernimento na hora de escrever os textos pois um amigo meu que esta em processo de conversão leu um dos artigos aqui escritos contra a CN e agora tá todo atribulado.

    Poderiam fazer mais artigos sobre formação doutrinaria pq o que eu vejo e que vocês estão metralhando a CN um artigo atras do outro.

    Por que não criamos uma campanha contra esse Edinho para colocar ele fora da CN sem difamar a CN, e as coisas boas que acontecem na CN, pq vocês não colocam também?

    Reflitam.

    Paz de Jesus

    Rodrigo Moraes

    ResponderExcluir
  2. Rodrigo,

    Concordo com você no tocante ao julgamento da CN, mas temos como cristãos que ficar de olhos e ouvidos bem abertos para que não caiamos nas armadilhas do demônio, é isso que o Anderson, na figura do Bruno, que foi quem postou o artigo, estão tentando nos dizer. A CN não pode ser considerada demoníaca, pois é consagrada, mas o inimigo se infiltra até nos mais sagrados locais. Não deixe que seu amigo se afaste do caminho de Jesus, esses pedregulhos que aparecem em nossa caminhada, principalmente no processo de converssão, são provas à nossa fé. Diga-lhe que a Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo é bem mais que uma emissora de Tv, controlada por homens com ou sem escrúpulos, que ele não pare de assistir aos programas da CN, mas que fique atento.
    Cito:
    Examinai tudo: abraçai o que é bom. (I Tessalonicenses 5,21)

    As tribulações estão apenas por começar meu irmão. Não esmoreça, reze por nossa Igreja, nossos pastores e por todos os veículos que a divulgam.

    Que Deus te abençõe e que Maria Santíssima interceda por ti e por teu amigo.


    danielvsbr@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  3. Rodrigo,

    NINGUÉM quer o fim da Canção Nova. E ninguém precisa expor todos os benefícios da comunidade. TODOS SABEM DISSO.

    O que queremos é o fim do PT da canção nova. O fim da politicagem dentro da Comunidade. O fim do palanque que ergueram lá.

    Aquela obra é de Deus! O Mons. Jonas comeu muita farinha pra levantar aquela obra. Já foi até processado por falar a verdade. É isso o que queremos. O retorno do Pe Jonas para acabar com essa patifaria.

    Por isso precisamos denunciar. Há mtas almas que dependem exclusivamente da comunidade para ouvir de Deus. Ela não pode acabar, mas o PT não pode ficar lá, também.

    ResponderExcluir