20 de dez de 2011

Obama diz: Quem não ajudar a causa gayzista não terá apoio americano.


Do ACI Digital com inserções do Blog Dominus Vobiscum

Uma matéria digna de atenção da Comunidade Cristã do mundo: O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, ordenou a todos os organismos governamentais, incluindo os de cooperação e ajuda, que promovam no resto de países os supostos “direitos” homossexuais, como centro da política externa.

Não bastasse todo dinheiro injetado nos movimentos gayzistas, agora eles contam com a “ordem” (quanta prepotência) do presidente norte-americano para beneficiá-los. Ou seja, para um país menos desenvolvido receber algum tipo de ajuda dos EUA, ele deve privilegiar a minoria gayzista, retirando a maioria dos cidadãos coisas como a liberdade de expressão. É uma verdadeira pressão que o governo de Obama vai exercer sobre o mundo em prol da causa gayzista.

Diz Obama: “Neste memorando estou instruindo a todos os organismos no exterior para que assegurem que a diplomacia americana e a ajuda externa promova e proteja os direitos humanos das pessoas gays, lésbicas, bissexuais e transexuais”.

Não tenha nada contra os direitos humanos de ninguém. O grande problema é quando o direito do outro interfere no meu direito de ser e de me expressar. Você que visita este blog sabe da luta que travamos contra a Lei da Homofobia aqui neste blog (para saber mais veja as matérias anteriores sobre o assunto). Pelo que saiba, a Lei que proteje o hetero, proteje o homo. Criar leis de proteção que previlegiem eles, tirando nosso direito de expressão é o que combato aqui.

E Obama segue impondo sua “democracia”: Ordenou que as agências de ajuda exterior e desenvolvimento comprometam os governos e grupos da sociedade civil no exterior a “fomentar o respeito aos direitos humanos dos homossexuais”.

Ou seja, eles só vão ajudar os países que necessitam de sua ajuda, se esses países mudarem suas leis para “protegerem” os gayzistas. Quem não protege os amigos do Obama não ganha presente! Essa é a lei!

Previamente, a secretária de Estado Hillary Clinton anunciou em Genebra (Suíça), que seu Governo atribuiu três milhões de dólares para lançar um Fundo Mundial para a Igualdade, que apóie os grupos de “lésbicas, gays, bissexuais e transexuais em todo mundo”.

Mais uma vez eu digo: Católicos do mundo abram seus olhos. Essa história querer o primeiro presidente negro, a primeira presidente mulher, o primeiro presidente anão, a primeira presidente índia é tolice. Precisamos de políticos competentes e no nosso caso, que defendam a nossa liberdade de expressar nossa fé e de decidir como queremos que o nosso país seja.

Eles tem dinheiro. Nós temos fé e temos o voto. Sempre digo isso: Nenhuma arma é maior do que o voto. Temos o poder de mudar essas coisas nas eleições. Claro, não podemos mudar o presidente norte-americano, mas podemos colocar no poder aqui no Brasil, pessoas sérias e comprometidas com o povo sensato que deseja uma sociedade pautada em valores cristãos, que é a grande maioria.

É preciso ficar de olhos abertos e atentos! Queremos uma sociedade pautada nos valores evangélicos e não na proteção de castas de minorias!

Nossa Senhora Aparecida rogai por nós e pelo Brasil!


Fonte: http://domvob.wordpress.com/

14 comentários:

  1. Cara equipe editora do blog,

    É um absurdo o modo como vocês se referem ao movimento LGBT, que não busca nada além de efetivação da cidadania e dos direitos civis, que devem ser os mesmos para todos os cidadãos brasileiros.
    Gostem ou não, existem pessoas que não seguem os princípios do cristianismo, e SIM, essas pessoas também merecem respeito e têm seus direitos. O Brasil não precisa de valores cristãos, e sim de valores humanos.

    ResponderExcluir
  2. Caro Lucas Freire,

    É um absurdo que para a efetivação dos direitos de cidadania que o Movimento LGBT busca tenha que usar de objetos e imagens de culto católico para denigrir a mesma.

    Quer queira, quer não, o mundo ainda tem um grande número de cristãos que TAMBÉM tem o direito à liberdade de expressão e certamente usará deste direito para não ser calado por movimento algum.

    Se os homossexuais querem este direito, que saibam usá-lo sem com isso querer calar os cristãos do mundo.

    Nós temos voz. E não vamos nos calar.

    ResponderExcluir
  3. Cristo amou a todos, perdou a todos, e um gay é um Humano nasce gay ñ escolhe ser gay, já um falso Cristão se disfarça de pele de cordeiro fingindo entender cristo... Cristo é amor aceitação, o mal só existe pq um quer se impor ao outro achando q é portador da verdade o unico q é verdadeiro é Cristo e ñ vc, nem Papa, nem pastor, nem mesmo eu, atire a primeira pedra quem ñ tem pecado.
    Se fosse assim Cristo teria mandado matar os aduteros os gays daquela epoca, os unicos que começaram a matar foram os Cristãos fanaticos, medrosos de si que ñ sabiam enterpretar nada e acabavam se voltando contra aqueles que viam Jesus como um homem filho de Deus irmão nosso... Vc só quer guerra se acha superior mas perante Deus e Cristo e tão igual ou menor que muitos... Repense seus atos seus pensamentos e vja onde tá o teu amor a tua virtude em vez de criticar os gays vai alimentar e cuidar dos enfermos Madre Tereza ñ fazia distinção tanto q ajudava os hindus... Papa João Paulo queria a união dos Cristão e dos povos Deus é Uno vcs fanaticos impuros e fechados q ñ vem Deus como ele é... Nunca sentiram a força de um milagre... que Deus tenha piedade realmente de pessoas assim como vc...

    ResponderExcluir
  4. "E Obama segue impondo sua “democracia”". "Democracia", com aspas, deveria ser usado para essa palhaçada excludente que só protege os grandes (e abastados) grupos. "Precisamos de políticos competentes e no nosso caso, que defendam a nossa liberdade de expressar nossa fé e de decidir como queremos que o nosso país seja"... francamente, quanta hipocrisia! Estamos em um país LAICO (o autor do texto não deve saber o que significa, já que ignorou o fato totalmente, então aconselho uma consulta ao dicionário). E não são só vocês, cristãos, que pagam impostos e que votam. Querem mandar em alguma coisa, mandem no que acontece dentro da igreja de vocês. O Brasil NÃO É uma grande igreja, é um país LAICO, no qual se deve respitar a diversidade sexual, como qualquer outra "diferença". Se querem proibir algo, ficarem na sua bolha de ignorância sagrada, criem um país avulso, e implantem lá a sua ditadura conservadora e atemporal.

    ResponderExcluir
  5. Concordo totalmente com o Lucas Freire...

    Aliás, concordo até com o autor quando diz: "O grande problema é quando o direito do outro interfere no meu direito de ser e de me expressar."

    Se Cristãos têm direito à liberdade de expressão, todos devem ter, não é Evelyn... isso inclui o público LGBT, as pessoas de outras religiões (inclusive o Satanismo), pois LIBERDADE DE EXPRESSÃO não julga pelo credo...

    ResponderExcluir
  6. "Cristo é amor aceitação"

    Mas também é justiça.

    Se querem tanto falar de Cristo, deveriam saber que todos os pecadores, TODOS, fossem o que fossem, Jesus deu uma ordem: Vai e não peques mais.

    A Bíblia está cheia de ordens em que um homem não se deite com outro homem, nem mulher durma com outra mulher. Não adianta distorcer o uso doverbo amor colocando Cristo no meio como se Ele aceitasse tudo isto.

    Seu amor é transformador. Ele quer que o homem seja renovado. E o ato homossexal é um pecado que brada aos céus, tanto quanto o outro. Se não aceitam isso, o que eu posso fazer? Me calar? Não.

    Deus ama o homossexual tanto quanto amam qualquer pessoa. Ele criou a todos. Mas Ele quer a todos no seu Reino. E estar em seu reino não implica apenas em "amar". Implica em deixar a vida de pecado de lado e viver a Ele conforme a vontade Dele.

    Se o ser humano não aceita isso, então é natural que se revolte com quem o diga.

    Cristo é amor, sim. Mas também é verdade. O mesmo ontem, hoje e sempre. E se ontem os seus apóstolos condenavam estas práticas, não serão hje elas mudadas.

    ResponderExcluir
  7. Amanda,

    Estado Laico não é um estado ateu. U estado laico é governado pelo homem, onde Deus não é mais o centro. Deixa-se a Teocracia. Apenas isso.

    Hoje, porém, usa-se o termo laico para abandonar os termos cristãos que edificaram e construiram a Cultura Ocidental. Quer queira, quer não, a Igreja é a grnde responsável pela nossa formação cultural, acadêmica e humana. É só ter um pouco de honestidade intelectual e verá que é graças a ela que temos inúmeras manifestaçoes culturais e intelectuais.

    Se o homem opta por uma pluralidade sexual, isto é problema dele. Será problema meu quando me OBRIGAREM a acatar tudo como normal. Neste estado laico, eu , como cidadã, também tenho direito a me manifestar, quer queiram, quer não. E manifestar não quer dizer concordar, mas quer dizer discordar. Afinal, num estado democrático, discordar também é necessário para o avanço da nação.

    ResponderExcluir
  8. "Se Cristãos têm direito à liberdade de expressão, todos devem ter, não é Evelyn... isso inclui o público LGBT, as pessoas de outras religiões (inclusive o Satanismo), pois LIBERDADE DE EXPRESSÃO não julga pelo credo..."

    Nem pela opção sexual. Logo, se alguém quer viver sua homossexualidade, não vai ganhar respeito e consideralção de qualquer outra pessoa incitando ao ódio fazendo beijaço gay ou queimação de bíblia em frente ao Papa.

    Entende-se também que a liberdade de expressão só ocorrerá quando uma lei não implicar no credo deoutra. Se eu for impedida de dizer que a prática homossexual é pecaminosa por uma lei, então meu país já deixou de ser democrático.

    ResponderExcluir
  9. O que talvez ninguém tenha reparado é a imposição acerca de um assunto: o governo promete não apoiar os países que não apoiarem a causa gay. Isto é mesmo democracia? É a lei do Estado Laico, que priva uns e ajuda outros?

    Os valores culturais de um país? Isto não deve ser levado em conta? Então um país deve adotar uma causa mesmo que isso vai contra seus princípios culturais só pq o Obama quer?

    Quanta petulãncia, não?

    ResponderExcluir
  10. Essa notícia está TOTALMENTE distorcida... eles não falam apenas da causa Gay, mas de outras minorias também...

    O fato é que o governo americano não vai mais auxiliar quem não trata a todos os seres com IGUALDADE...

    Como já disse, se o cristão tem direito à liberdade de expressão, TODOS devem ter também...

    Ridículo é o PRECONCEITO e todo o lixo que vem dele... muitas vezes por parte da igreja, vamos convir... afinal ela já foi usada, outrora, para inferiorizar negros e mulheres...

    ResponderExcluir
  11. Aliás, estado LAICO é aquele que não cai de joelhos diante de uma bancada evangélica... o Brasil anda meio longe disso...

    Vamos respeitar a diversidade... pois amar o próximo e a todos foi a mensagem de Cristo, não é?

    ResponderExcluir
  12. Acusações sem provas é fácil, Michel.
    Até onde se consta, Marx, Hitler e Stalin é q garantiam o dever de se permasnecer com a escravidão e a opressão das mulheres e dos negros.

    Até onde se consta, tb são os islâmicos q cortam o ímen das mulheres e assassinam cristãos e homossexuais até hj.

    E até onde me consta, negros e mulheres receberam a mais alta honra dos altar3es, vide Sto Agostinho, canonizado no século IV.

    O movimento LGBT confunde respeito com imposição. Ninguém pode impedir ninguém de viver a opção sexual que quiser, bem como não pode querer impor a opoção do outro guela abaixo do resto da sociedade.

    Difícil entender isso?

    ResponderExcluir
  13. "Vamos respeitar a diversidade... pois amar o próximo e a todos foi a mensagem de Cristo, não é?"

    Não. A mensagem de Cristo foi que amássemos a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a si mesmo. Isto implica em fazer primeiramente a vontade dEler antes da nossa.

    Erra feio qdo pensamos q o amor é aceitar tudo como bom. Isto é relativizar a dignidade do homem e do próprio amor. Erra tb qdo usamos de Cristo para dizer q ele nos ama assim e tem q nos engolir sem q façamos esforço algum em mudar. Levados ppelos apreços da casrne, queremos apenas q Deus nos ame e faça a nossa vontade, mas nós não nos dobramos à Dele.

    Logo, isso ñ é amor. É egoísmo.

    ResponderExcluir
  14. Desculpem os erros ortográficos. Escrevi com pressa.
    Prometo melhorar da próxima.

    ResponderExcluir