6 de dez de 2011

Reaja agora contra a “lei da homofobia”, o PLC 122, será votado nesta semana.


Daniel F. S. Martins

Acabo de conferir no site do Senado o novo texto do PLC 122, a chamada “lei de homofobia”, que pode ser colocada em votação ainda esta semana, mais provavelmente na quinta-feira, dia 8/12.

Pressionados pela sadia reação da opinião pública, os ativistas da causa homossexual, notadamente a Senadora Marta Suplicy, viram-se obrigados a dar um passo atrás. Mas cuidado: a onça faz o mesmo para despistar a vítima e mais facilmente abocanhá-la. O mesmo foi feito com projetos semelhantes, como por exemplo o PNDH-3. E o pior veneno sempre foi mantido.

Qual foi o recuo? Diz o novo texto:

Art. 3º O disposto nesta Lei não se aplica à manifestação
pacífica de pensamento decorrente da fé e da moral fundada na liberdade
de consciência, de crença e de religião de que trata o inciso VI do art. 5º da
Constituição Federal.

Em primeiro lugar, tal recuo foi uma vitória para os que reagiram. Em segundo lugar, uma armadilha para os incautos, que dirão “Enfim, o pior já se foi, quanto ao resto podemos ceder”.

Calma, Sr. incauto! Veja o que vem logo depois:

Art. 4º Deixar de contratar ou nomear alguém ou dificultar sua
contratação ou nomeação, quando atendidas as qualificações exigidas para
o posto de trabalho, motivado por preconceito de sexo, orientação sexual
ou identidade de gênero:
Pena – reclusão, de um a três anos.

Isto é, se uma mãe quer contratar uma babá, e aparecer uma candidata lésbica, a mãe não pode sequer dificultar sua contratação pelo fato da candidata ser lésbica, sob pena de ficar até três anos atrás das grades. Ora essa! Então a mãe não pode cumprir seu dever de resguardar a moral de seus filhos? Não, Senadora, a Sra. não nos convence!

Se o diretor de uma escola católica impede a contratação de um homossexual declarado e militante, 3 anos de cadeia! Então não pode mais haver colégios de acordo com a lei de Deus? E o que será do reitor do seminário que não aceitar um candidato homossexual? O que será da paróquia que impedir a contratação de um funcionário assim? Não, Senadora, a Sra. não nos convence!

Veja o texto que acaba de ser colocado no site do Senado

Faça agora seu protesto aos Senadores, contra essa malfadada lei de perseguição religiosa, clicando aqui.


Fonte: http://www.ipco.org.br

3 comentários:

  1. Sou Cristão e não sei pq vcs que falam q amar deus e nao deixa os outros amarem tmb e muito facil uma pessoa heterosexual fala quer os gays vao para o inferno vcs nao sabe o que um gay sofre todo dia ninguem escolhe ser gay a pessoa ja nasce gay se o seu Deus manda pessoas para o inferno por nascerem do jeito que nasceu eu nao sei que Deus e esse porque pra mim Deus e Amor

    ResponderExcluir
  2. Born This War

    Salve Maria!!!

    Olha, a Igreja e Deus ama os homossexuais enquanto filhos, mas ABOMINA o pecado praticado por eles,ísso é fato (Levítico 18:22).
    Como fazer para defender a Igreja Católica Apostólica Romana? É preciso conhecer a Cristo ir em busca do discernimento e do encontro com Cristo como Paulo o fez. Paulo comunicava-se com ternura(cf 2Cor 6,11), fazia questão de saudar as pessoas pelo nome e se preocupava dom a vida partucular de todos(cf Cl 4,10-180 mas era firme e rigoroso em relação ao que ensinava(cf ro 12,2; Ef 4,26;empre exortava todos a buscar na força de Deus a perseverança na fé(cf Ro 8,31; 2Cor 1,4;Ef 6,11) O encontro de Paulo com Jesus Cristo foi decisivo . Sua fé forte no Ressuscitao e sua vida inteiramente unida a Cristo o fazia afirmar: “Já não sou eu que vivo, é Cristo que vive em mim(Gl2,20) A conversão é para todos os que a desejam e assim como Paulo, precisamos nos abastecer da Palavra, estar em sintonia com a Igreja e ter na Eucaristia a fonte de Amor e VERDADE ao próximo. Sendo que o Amor não Anula a verdade, digamos a verdade pois só ela vai poder libertar (Jo 8,32) e oferecer uma vida Nova em Cristo.
    E como vc colocou que Deus é Amor, devemos amar na verdade! E no mais que Amor é esse que você não quer oferecer a liberdade e que voce conhece a verdade e deixa seu irmao na mentira, no engano??? Jesus de tão grande Amor era concreto ao corrigir, exortar e ensinar!!!

    ResponderExcluir
  3. As Igrejas em geral e a Católica em particular sempre se preocuparam em dmonizar alguém, antigamente eram os pagãos, os hereges(que podiam serem queimados vivos), os negros, (que podiam ser escravos pois não tinham alma) os Judeus, pois mataram J.Cristo, mais recentemente os comunistas, e dai por diante, e agora parece que surgiu novo demonio: os abortistas, os gays etc.... O que causa estranheza maior ainda é ver que nunca se ouve uma condenação por parte de autoridades de nem uma religião contra as guerras que matam milhares de pesoas inocentes como no Iraque, Afganistão, recentemente Vietnam, e outros paises, porque será? Será porque estas guerras são promovidas por nações de cultura Cristã? Tendo nos EEUU o exemplo maior de hipocrisia religiosa, sendo toda hora invocado o nome de Deus para justificar as maiores barbáries?

    ResponderExcluir