17 de jul de 2012

Padre Amorth: O diabo gosta de apropriar-se dos que ocupam cargos políticos.



Em uma entrevista concedida à revista "Maria Mensageira" o famoso exorcista italiano, Padre Gabriele Amorth, assegura que "todo mundo é vulnerável à ação de Satanás" e "o diabo gosta de apropriar-se dos que ocupam cargos políticos".
O sacerdote adverte que "existe o mal na política, inclusive é freqüente. O diabo gosta de apropriar-se daqueles que ocupam cargos de responsabilidade, empresários, políticos. Hitler e Stalin estiveram possuidos. por que sei? Porque mataram a milhões de pessoas. O Evangelho diz: ‘Pelos frutos os conhecerão’. Desgraçadamente, um exorcismo não teria bastado com eles, pois estavam convencidos do que faziam. Não se pode dizer que fora uma possessão no sentido estrito da palavra, mas bem se tratava de uma aceitação total e voluntária das sugestões do diabo".
"Aos que vêm para ver-me lhes aconselho que primeiro vão ao médico ou ao psicólogo. Na maioria dos casos há uma base física ou psicológica para explicar seus sofrimentos. Os psiquiatras me enviam os casos incuráveis. Não há rivalidade. O psiquiatra estabelece se for uma enfermidade; o exorcista, se houver uma maldição", explica o Padre Amorth.
Com toda sua experiência explica que ninguém, nem ele, está "a salvo do diabo. Todo mundo é vulnerável", esclarece o sacerdote e explica que "o diabo é muito inteligente. Conservou a inteligência do anjo que foi".
"Pode ser, por exemplo, que alguém de seu trabalho sinta inveja de você e lhe lance uma maldição. Você adoecerá. A origem de 90 por cento dos casos que trato é, precisamente, uma maldição. O resto se deve à pertença a seitas satânicas, a ter tomado parte em sessões de espiritismo ou praticar a magia. Se você viver em consonância com Deus, ao diabo lhe resultará muito mais difícil levar a cabo a possessão", aconselha.

Fonte: rainhamaria.com.br (com adaptações)

0 comentários:

Postar um comentário