19 de set de 2010

POSIÇÃO DA IGREJA PARA AS ELEIÇÕES 2010




O Bispo de Lorena, Dom Beni, publicamente adere a este APELO: um exemplo para os demais bispos: esperamos que contagie e dê coragem para mais autoridades da Igreja se manifestarem. 

Abaixo segue o Apelo de Dom Luiz Gonzaga, Bispo de Gaurulhos:


Os Bispos de São Paulo (Regional Sul I da CNBB) foram corajosos em defender a vida e assinaram um documento denunciando publicamente a estratégia de morte do PT e falando às claras. 

Padre Bernando Graz, da comissão da Defesa dsa Vida da Pastoral da Saude, da Regional Sul:


Muitos Bispos estão aderindo e isso pode inclusive mudar o rumo das eleições, além de posicionar a Igreja de modo claro diante desse tema tão importante. 

A luta pela aprovação do aborto é apenas o início de uma luta por desbancar os valores cristãos, além de matar tantas crianças diariamente. Por isso não podemos ficar indiferentes: divulgar, denunciar, informar os que estão ao nosso lado, são sempre atitudes que fazem a diferença.

Veja também este excelente vídeo do Pastor Silas Malafaia, sobre o aborto, é um show de bola nas feministas, abortistas, e pseudos-cientistas!

Se quiser ver mais vídeos sobre o assunto do Aborto, PT e Candidatos, clique:
http://nossasenhorademedjugorje.blogspot.com/2010/09/pastor-silas-parte-1-e-2-acorda-brasil.html

Não tenhais Medo, o Senhor combato conosco!!! Lutemos pela vida, pelas vidas inocentes que ainda estão no pensamento de Deus, e haverão de ser concebidas nos seios de suas mães, lutemos para que estas vidas não sejam ceifadas, pela maldição do aborto!!!
Pe. Mateus Maria
BISPOS DE SÃO PAULO PEDEM AMPLA
DIVULGAÇÃO DO APELO AOS BRASILEIROS

APRESENTAÇÃO E RESUMO 
A Presidência e a Comissão Representativa dos Bispos do Regional Sul 1 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), que representa as 47 dioceses católicas do Estado de São Paulo, emitiram nota em que

"RECOMENDAM A AMPLA DIFUSÃO DO APELO A
TODOS OS BRASILEIROS E BRASILEIRAS,
ELABORADO PELA COMISSÃO EM DEFESA DA
VIDA DO REGIONAL SUL 1". 

O APELO A TODOS OS BRASILEIROS E BRASILEIRAS, originalmente elaborado durante o 2º Encontro das Comissões Diocesanas em Defesa da Vida (CDDV's) do Regional no dia 3 de julho, denuncia O ENVOLVIMENTO E O COMPROMISSO DO ATUAL GOVERNO E DO PARTIDO DOS TRABALHADORES, TANTO A NÍVEL NACIONAL COMO INTERNACIONAL, COM A COMPLETA LEGALIZAÇÃO DO ABORTO NO BRASIL. 

A nota recomendando a ampla difusão do documento é assinada pelos bispos Dom Nelson Westrupp, Dom Benedito Beni dos Santos e Dom Airton José dos Santos, respectivamente presidente, vice-presidente e secretário do Regional Sul 1 da CNBB. A nota surgiu por ocasião de uma votação realizada durante a última reunião ordinária do Regional, na qual estavam presentes diversos bispos de todos o Estado de São Paulo. 

A nota, juntamente com o texto do APELO A TODOS OS BRASILEIROS E BRASILEIRAS, é apresentada em destaque na página de abertura do site do Regional Sul 1 da CNBB

[http://www.cnbbsul1.org.br] 

e também no seguinte endereço: 

http://www.cnbbsul1.org.br/index.php?link=news/read.php&id=5742 

O texto assinado pelos bispos afirma que 

"A PRESIDÊNCIA E A COMISSÃO REPRESENTATIVA DOS BISPOS DO REGIONALSUL 1 DA CNBB, EM SUA REUNIÃO ORDINÁRIA, TENDO JÁ DADO ORIENTAÇÕES ECRITÉRIOS CLAROS PARA “VOTAR BEM”, ACOLHEM E RECOMENDAM A AMPLA DIFUSÃO DO “APELO A TODOS OS BRASILEIROS E BRASILEIRAS” ELABORADO PELA COMISSÃO EM DEFESA DA VIDA DO REGIONAL SUL 1".

http://www.cnbbsul1.org.br/index.php?link=news/read.php&id=5742 

Junto com o documento, as Comissões em Defesa da Vida das Dioceses do Regional também oferecem um longo dossiê que faz o retrospecto sobre as estratégias utilizadas para implementar a cultura de morte no Brasil. O material chama-se 

"CONTEXTUALIZAÇÃO DA DEFESA DA VIDA NO BRASIL: COMO FOI PLANEJADA A INTRODUÇÃO DA CULTURA DA MORTE NO PAÍS". 

http://www.cnbbsul1.org.br/arquivos/defesavidabrasil.pdf

O Apelo já havia sido divulgado na semana passada pelo site da Diocese de Assis, cujo bispo, Dom José Benedito Simão, é também presidente da Comissão em Defesa da Vida do Regional Sul 1 da CNBB, organismo que congrega todas as Comissões em Defesa da Vida das diversas dioceses paulistas. 

http://www.diocesedeassis.org/index.php?option=com_content&view=article&id=169:apelo-a-todos-os-brasileiros 

Desde a última segunda feira, dia 30 de agosto de 2010, o Apelo começou a ser divulgado também pela Rede Canção Nova de Televisão. 

http://noticias.cancaonova.com/noticia.php?id=277603 

Para melhor impressão e ampla distribuição junto ao público, o APELO A TODOS OS BRASILEIROS E BRASILEIRAS pode ser obtido na internet em arquivo PDF 

http://www.pesquisasedocumentos.com.br/apeloregionalsul1.pdf 

O Apelo está sendo distruibuído, nas últimas semanas, nas ruas, nos faróis, nas escolas, nas faculdades, nas portas dos órgãos de imprensa, onde e para onde quer que conduza a criatividade daqueles que lutam pela preservação da vida e pelos mais elementares princípios da verdadeira liberdade humana. 

SE VOCÊ ADMINISTRA UM SITE CATÓLICO OU EVANGÉLICO, COPIE E PUBLIQUE EM SEU SITE O APELO AOS BRASILEIROS E BRASILEIROS. 

SE VOCÊ É PASTOR DE ALGUMA IGREJA OU PARÓQUIA, IMPRIMA O DOCUMENTO E DISTRIBUA ENTRE OS SEUS FIÉIS. 

Para aqueles que ainda têm dúvidas sobre o envolvimento internacional do atual governo com a completa legalização do aborto no Brasil, a Comissão redatora do Apelo convida a que verifiquem as provas do que está sendo exposto no texto do documento consultando o dossiê "A CONTEXTUALIZAÇÃO DA DEFESA DA VIDA NO BRASIL", disponível neste endereço: 

http://www.cnbbsul1.org.br/arquivos/defesavidabrasil.pdf 

PROMOVA A AMPLA DIFUSÃO DESTE DOCUMENTO. NO LUGAR ONDE VOCÊ ESTÁ, SOMENTE VOCÊ PODE CHEGAR. 

O ATUAL GOVERNO CONFIA NA CUMPLICIDADE DOS QUE NÃO DIVULGAM A VERDADE, NÃO IMPORTA SE AMPLAMENTE DOCUMENTADA. 

A DIVULGAÇÃO DO CONHECIMENTO É NECESSÁRIA PARA A DEFESA DA VIDA. 

===========================================

NOTA DA COMISSÃO EPISCOPAL
REPRESENTATIVA DO CONSELHO EPISCOPAL
REGIONAL SUL 1 - CNBB

=========================================== 
A Presidência e a Comissão Representativa dos Bispos do Regional Sul 1 da CNBB, em sua reunião ordinária, tendo já dado orientações e critérios claros para "VOTAR BEM", acolhem e recomendam a ampla difusão do "APELO A TODOS OS BRASILEIROS E BRASILEIRAS" elaborado pela Comissão em Defesa da Vida do Regional Sul 1 que pode ser encontrado no seguinte endereço eletrônico 

http://www.cnbbsul1.org.br/index.php?link=news/read.php&id=5742 

São Paulo, 26 de Agosto de 2010.

Dom Nelson Westrupp, SCJ, 
Presidente do CONSER-SUL 1

Dom Benedito Beni dos Santos, 
Vice-presidente do CONSER-SUL 1

Dom Airton José dos Santos,
Secretário Geral do CONSER SUL 1

===========================================

APELO A TODOS OS BRASILEIROS E BRASILEIRAS

=========================================== 

http://www.cnbbsul1.org.br/index.php?link=news/read.php&id=5742. 

NÓS, PARTICIPANTES DO 2º ENCONTRO DAS COMISSÕES DIOCESANAS EM DEFESA DA VIDA (CDDVS), ORGANIZADO PELA COMISSÃO EM DEFESA DA VIDA DO REGIONAL SUL 1 DA CNBB 
e realizado em S. André no dia 03 de julho de 2010, 

- considerando que, em abril de 2005, no IIº Relatório do Brasil sobre o Tratado de Direitos Civis e Políticos, apresentado ao Comitê de Direitos Humanos da ONU (nº 45) O ATUAL GOVERNO COMPROMETEU-SE A LEGALIZAR O ABORTO, 

- considerando que, em agosto de 2005, o atual governo entregou ao Comitê da ONU para a Eliminação de todas as Formas de Descriminalização contra a Mulher (CEDAW) documento no qual reconhece o aborto como DIREITO HUMANO DA MULHER, 

- considerando que, em setembro de 2005, através da Secretaria Especial de Polítíca das Mulheres, o atual governo apresentou ao Congresso um substitutivo do PL 1135/91, como resultado do trabalho da Comissão Tripartite, no qual é proposta a DESCRIMINALIZAÇÃO DO ABORTO ATÉ O NONO MÊS DE GRAVIDEZ E POR QUALQUER MOTIVO, pois com a eliminação de todos os artigos do Código Penal, que o criminalizam, o aborto, em todos os casos, deixaria de ser crime, 

- considerando que, em setembro de 2006, no plano de governo do 2º mandato do atual Presidente, ele reafirma, embora com linguagem velada, o compromisso de legalizar o aborto, 

- considerando que, em setembro de 2007, no seu IIIº 
CONGRESO, O PT ASSUMIU A DESCRIMINALIZAÇÃO DO ABORTO E O ATENDIMENTO DE TODOS OS CASOS NO SERVIÇO PÚBLICO COMO PROGRAMA DE PARTIDO, sendo o primeiro partido no Brasil a assumir este programa, 

- considerando que, em setembro de 2009, o PT puniu os dois deputados Luiz Bassuma e Henrique Afonso por serem contrários à legalização do aborto, 

- considerando como, com todas estas decisões a favor do aborto, o PT e o atual governo tornaram-se ativos colaboradores do IMPERIALISMO DEMOGRÁFICO que está sendo imposto em nível mundial por Fundações Internacionais, as quais, sob o falacioso pretexto da defesa dos direitos reprodutivos e sexuais da mulher, e usando o falso rótulo de "aborto - problema de saúde pública", estão implantando o controle demográfico mundial como MODERNA ESTRATÉGIA DO CAPITALISMO INTERNACIONAL, 

- considerando que, em fevereiro de 2010, o IVº CONGRESSO NACIONAL DO PT MANIFESTOU APOIO INCONDICIONAL AO 3º PLANO NACIONAL DE DIREITOS HUMANOS (PNDH3), decreto nª 7.037/09 de 21 de dezembro de 2009, assinado pelo atual Presidente e pela ministra da Casa Civil, no qual se reafirmou a descriminalização do aborto, dando assim continuidade e levando às últimas consequências esta política antinatalista de controle populacional, desumana, antisocial e contrária ao verdadeiro progresso do nosso País, 

- considerando que este mesmo Congresso aclamou a própria MINISTRA DA CASA CIVIL COMO CANDIDATA OFICIAL DO PARTIDO DOS TRABALHADORES PARA A PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA, 

- considerando enfim que, em junho de 2010, para impedir a investigação das origens do financiamento por parte de organizações internacionais para a legalização e a promoção do aborto no Brasil, O PT E AS LIDERANÇAS PARTIDÁRIAS DA BASE ALIADA BOICOTARAM A CRIAÇÃO DA CPI DO ABORTO que investigaria o assunto, 

RECOMENDAMOS ENCARECIDAMENTE A TODOS OS CIDADÃOS E CIDADÃS BRASILEIROS E BRASILEIRAS, em consonância com o art. 5º da Constituição Federal, que defende a inviolabilidade da vida humana e, conforme o Pacto de S. José da Costa Rica, desde a concepção, independentemente de sua convicções ideológicas ou religiosas, QUE, NAS PRÓXIMAS ELEIÇÕES, DEEM SEU VOTO SOMENTE A CANDIDATOS OU CANDIDATAS E PARTIDOS CONTRÁRIOS À DESCRIMINALIZACÃO DO ABORTO. 

Convidamos, outrossim, a todos para lerem o documento "VOTAR BEM" aprovado pela 73ª Assembléia dos Bispos do Regional Sul 1 da CNBB, reunidos em Aparecida no dia 29 de junho de 2010 e verificarem as provas doque acima foi exposto no texto "A CONTEXTUALIZAÇÃO DA DEFESA DA VIDA NO BRASIL"

[http://www.cnbbsul1.org.br/arquivos/defesavidabrasil.pdf], 

elaborado pelas Comissões em Defesa da Vida das Dioceses de Guarulhos e Taubaté, ligadas à Comissão em Defesa da Vida do Regional Sul 1 da CNBB, ambos disponíveis no site desse mesmo Regional. 

COMISSÃO EM DEFESA DA VIDA DO REGIONAL SUL 1 DA CNB
B

0 comentários:

Postar um comentário