25 de ago de 2011

Provocação infame de homossexuais na visita de Bento XVI à Espanha


Andrey Karnoski

Segundo informa o porta de notícias Terra (19/8/2011), um grupo de homossexuais planejava um “protesto” contra a visita de Bento XVI à Espanha. Os manifestantes pretendiam fazer um “beijaço” na rua Serrano, por onde deveria passar o papamóvelem direção à Praça de Cibeles, no centro de Madri, local marcado para a cerimônia de boas-vindas ao pontífice.

A polícia impediu tal manifestação bloqueando o grupelho. Mas, apesar disso, alguns manifestantes se fizeram fotografar enquanto se beijavam despudoradamente na passagem do papa pela Praça Cibeles.

O protesto foi convocado através do Facebook por um grupo de defesa de homossexuais e transexuais criado dentro dos tais “indignados”, segundo informa seu porta-voz, Jaime del Val, à AFP. Na visão cristianofóbica de del Val, “a Igreja Católica promove políticas vergonhosas, gravemente sexistas e homofóbicas“.

Como escreveu Santo Agostinho, “certos homens odeiam a verdade, por amor daquilo que eles tomaram por verdadeiro” (*). A Igreja Católica promove princípios morais baseados na Lei Divina e Natural. A verdade da virtude não pode agradar quem pratica e se escraviza no vício.

A radicalidade dos movimentos homossexuais cresce cada vez mais na medida em que aumentam as dificuldades de suas ideologias serem aceitas e aprovadas pela opinião pública.

O orgulho homossexual (ou melhor, ódio a quem contrariá-los) não mede barreiras. Esse tipo de ‘‘protesto’’ infame, no momento em que o Papa passasse, só pode ser visto como uma injuriosa e desrespeitosa provocação, não somente a Bento XVI mas a todos os católicos em geral.

Eis mais uma demonstração indubitável da radicalidade, do ódio e da intolerância dos movimentos homossexuais. No entanto, quando alguém protesta contra esse comportamento imoral ainda tem que ouvir ser chamado de ‘‘homofóbico’’!

________________

(*). (Santo Agostinho, Confissões, Livro X, Cap. XXIII)

Fonte: http://www.ipco.org.br

1 comentários:

  1. Esse grupo está abusando. Eles sim, vão incitar mais ódio e intolerancia entre a população, hoje até os que ficavam indiferentes com essa aberração anomaliaca, estão se indignando com essa safadeza. Já, já eles vão sim, ter de enfrentar a revolta do povo e a IRA de Deus

    ResponderExcluir