15 de dez de 2011

Folha e UOL comentam sobre movimento católico contra a TV Record.


Por Keila Jimenez

A Record está sendo alvo de protestos de grupos católicos na internet. Inconformados com algumas reportagens exibidas na emissora, que consideram um ataque ao catolicismo, grupos ligados à Igreja Católica levaram às redes sociais protestos contra a emissora de Edir Macedo.

Em um deles, chamado de "Brasil Sem TV Record", ativistas convocam os internautas para um twittaço (protesto no Twitter), no dia 16, às 14h, contra a TV Record.

Em outro protesto na internet, batizado de #jornalismodeterceira, os ativistas atacam no Twitter os noticiários da emissora. Também pedem para os católicos não assistirem mais a Record. Virou uma guerra santa de audiência.

A Record não se manifestou sobre o assunto.

Fonte: outrocanal.folha.blog.uol.com.b


0 comentários:

Postar um comentário